Festinha retrô

No esporte, quanto menos você treina, pior é o seu desempenho: assim, também, o ato de escrever.
Vendo sob esse prisma poderia ser considerada uma blogueira sedentária. Preciso praticar mais, por isso estou aqui, tentando desfazer a impressão de que larguei o blog e os leitores de lado, pra recomendar um post muito bacana!
Trata-se de uma festinha temática organizada pela Katia Bonfadini, juntamente com outras amigas blogueiras: Simone ScharammMarta Riba, Milena Orlando e Ana Paula Carneiro.

Conheci a carioca Milena já faz um tempo, aqui, nos comentários do blog. De amiga virtual à real não demorou muito e agora, sempre que vou ao Rio, demos um jeito de nos reencontrar.
Com a Kátia, mesma coisa: acompanhávamos o blog, uma da outra, trocávamos e-mails, até nos encontrar pessoalmente, numa viagem que ela fez à Vitória.

Um mês após a maratona no Rio, voltei,  para fazer a Meia Maratona Internacional. Por uma coincidência, a data da prova era justo no fim de semana programado para a festinha retrô, quando conheci as demais meninas!

A Kátia caprichou em tudo: na escolha do local, um antigo apartamento da família no bairro do Leme que foi todo reformado, mas que se optou por manter o chão de taco( nada mais retrô!), na identidade visual da festa*, nas comidinhas e, como não poderia faltar,  na animação e simpática recepção!
pés
*A Kátia preparou um kit digital Festa Retrô que ajudou na decoração, mas cada uma de nós levou alguma contribuição: foi uma pequena recepção, à 12 mãos!
chá 2
Figurinos, bebidas e cardápio adequados a uma divertida viagem no tempo!
DSC_0917[2]
A mesa ficou impecável e eram tantos os quitutes que, confesso, em véspera de prova importante, acabei não provando tudo.
IMG_2399a5
O pinguim foi o mascote!
DSC_0944[3]
E a Ana fez as fotos lindas que ilustram este post e outras mais, que podem ser conferidas no blog da Kátia: Casos&Coisas da Bonfa.
DSC_08902
Despedi das meninas e voltei para o hotel mais cedo. Dia seguinte, minha festa seria na pista, do Leblon ao Aterro do Flamengo:
JVT13MMRJ5823_Alta-3600x2400pixels300dpi
E depois desse desafio fora do estado um outro, por aqui: a mais tradicional prova do ES, a “10 Milhas Garoto”, corrida de 16 Km pelos pontos mais charmosos de Vitória e Vila Velha!
JM13DMG92702_Alta-3600x2400pixels300dpi
Disciplina nos treinos, relaxo no blog. Faço aqui a mea culpa e, ao mesmo tempo, reitero o convite a quem quiser acompanhar postagens mais curtas, no meu perfil do Facebook: lá encontrarão looks, quase que diários, meus gatinhos, receitas, charges e tudo mais que gosto. É só mandar um pedido de adição para a Laély Fonseca.
Mas pretendo tirar o Sala da La do sedentarismo e programar atualizações mais frequentes. Palavra de corredora!
Té mais! 😉

Leia Mais

Noite de Talentos, quarta edição!

Pelo quarto ano consecutivo fizemos, no início deste mês, nossa tradicional “Noite de Talentos“.
A ideia é juntar os amigos da igreja para uma noite descontraída, com comida típica da época, música e representações.
Desta vez o tempo colaborou: nada de chuva e o frio, moderado, ideal para uma comemoração ao ar livre!
Arrumei a mesa no quintal, com tudo de mais colorido que tinha em casa:

Colchas, de crochê e fuxico, serviram de pano de fundo e a chita cobriu a mesa.
Servi primeiramente os alimentos quentes e salgados: foram dois tipos de caldo, agnoline e creme de aipim com carne seca, acompanhados por focaccia e pipoca.

Depois, os doces: mini-pretzels de canela, broinhas alemães, bolo de fubá, bolo de mamão, queijadinhas, canjicão, mini-tarteletes de banana com chantilly.
Para beber, refrigerantes e chás.

Tão corrido, que não deu pra fotografar todos os detalhes mas, uma dica, pra quem planeja algo parecido: faça uma lista dos ítens do cardápio e adiante o que puder.
Preparei antecipadamente os pretzels, focaccia e broinhas alemães já que, obrigatoriamente, devem ser servidos, assim que saírem do forno. Para isso, já congelei tudo nas fôrmas. Na tarde da festa tirei tudo do freezer e deixei descongelar, à temperatura ambiente, crescer para, depois, assar( é bom planejar, para sincronizar com o horário de servir).


Depois do lanchinho coletivo, a hora do “show”, que começou com a exibição de um vídeo, produzido pelo marido para o evento, com a participação especial do filho mais novo, como dublador do Lula.

Histórias, cantoria…

Música instrumental…


E, para os que não foram, a ideia do que perderam:

Leia Mais

Noite de talentos III

Andei ausente. Semana passada estivemos envolvidos em 2 projetos da nossa igreja: o primeiro deles incluía palestras diárias, feitas pelas próprias crianças do grupo( o mais novo tinha 7 anos, o mais velho, 12), encerrando com a nossa já tradicional “Noite de Talentos“, em sua 3° edição.
A festa foi no sábado e, dessa vez, o tempo cooperou: tivemos uma bela noite de lua crescente, sem ameaça de chuvas e trovoadas!
"Noite de Talentos"
A mesa ficou bem variada: agnoline, carne seca com aipim, sanduíches, pé-de-moleque, tortinha de coco e abacaxi, bolo de fubá, bolo de aipim, paçoca, canjicão, chás, sucos…Não dei conta de provar tudo!
"Noite de Talentos"
O guardanapo “Paçoca Amor”, da Tok&Stok, inspirou um cantinho na mesa:
"Noite de Talentos"
Também um achado na Tok&Stok, guardanapo temático junino:
"Noite de Talentos"
Colhi uns galinhos de um manacá perfumado, no quintal:
"Noite de Talentos"
A noite começou em volta da mesa porque, como costuma dizer minha sogra: “barriga cheia, coração contente!”
"Noite de Talentos"
Os pãezinhos já são tradição na minha casa e receita antiga, aqui do blog: pãozinho de leite, recheado com purê de abóbora e carne seca, e pão australiano, com queijo de coalho e mel.
Após encher a barriga, encher os ouvidos com música, mostrando nossos talentos:
"Noite de Talentos"
O talento do Hulk é comer e dormir.
Entrei no clima, de fazendeira:
"Noite de Talentos"
Thiago é nosso multi-instrumentista:
"Noite de Talentos"
Teclado, sax, flauta transversa ou clarinete é pra ele…
"Noite de Talentos"
Mas nem só de pão e música viveremos: encenações…
"Noite de Talentos"
"Noite de Talentos"
Paródias, mágicas, vídeo…As crianças adoraram( a criança em nós, também!)!
"Noite de Talentos"
Encerramos com mais música…
"Noite de Talentos"
Até cansar e puxar o banquinho. Já era tarde, o pessoal indo embora, mas os “músicos” queriam estender o encontro!
"Noite de Talentos"
Apesar do trabalho que dá, organizar uma festinha como essa, ao final, a sensação de dever cumprido, recompensada pelo sorriso no rosto daqueles que participaram.
Ano que vem tem mais, se Deus nos permitir!

Leia Mais