Reunindo a família

No último fim de semana foi aniversário da minha mãe. É bom poder comemorar essa data juntas, pois uma grande distância geográfica nos separa, a maior parte do tempo(ela mora em Belém e costuma visitar-nos essa época do ano).

Na quarta ela se despede do ES mas, sempre que passa por aqui, deixa um rastro de benfeitorias, na casa e na alma da gente: costura roupas e lençóis rasgados, com paciência de Jó( aliás, acho que mãe deve vir de fábrica com visão de super-homem, para enxergar o que a maioria não vê!), cuida, conversa, escuta, elogia, puxa a orelha, quando necessário…

Não sei se, em homenagem a ela, a chuva deu uma trégua; tempo suficiente, para animar uma almoço no quintal. Porque, dia ensolarado e ameno, não se pode desperdiçar!
Tarde sobre a mata
Montamos a mesa no quintal, à sombra mutante de um grande cipreste( a sombra muda de lugar, conforme a hora do dia).
O almoço foi simples e regional: frango no tucupi, arroz branco e farofa.
Porém, o mais gostoso é poder bater papo com os amigos.
Aniversariante
Foto não-oficial:
Aniversário da mãe
Cores e flores, para completar o clima de descontração:
Cores e flores
As sobremesas são as minhas preferidas. E, a preferida das preferidas dela, é a torta de limão que faço!
Sobremesas
Misturei bolo fudge de chocolate, receita do Panelinha, e a tentação calórica ficou mais irresistível ainda( sem falar, no açaí do Pará)!
O cardápio não seguiu nenhuma combinação ou lógica, apenas, o “querer agradar a todos”!
Bolo fudge
Mas achei que laranja e marrom combinavam bem:
Capuchinha
Um descuido e minha torta teria queimado mas, consegui salvá-la a tempo!
Torta de limão
E a dupla do barulho:
Dupla tentação
Um presente a mais, além do dia ensolarado, foi a coincidência na floração da cerca viva de murta:
Murta florida e perfumada
O muro verde já alcança quase 3 m de altura e circunda toda a casa, abraçando-nos com seu delicado perfume, quando em flor.
Aproveitei, para deixar um buquê no lavabo:
Murta perfumada no lavabo
E foi assim que mais um dia terminou por aqui:
Entardecer
Quero pensar que, da próxima vez que minha mãe voltar, a família estará toda reunida, inclusive, com o Vinícius, “que está na Alemanha”…

Leia Mais