Pernada pela semana

Nada premeditado mas, na última semana, as pernas acabaram em destaque.

Foi-se o tempo em que o couro era artigo de luxo, inacessível à maioria: novas técnicas e materiais imitam o original, dignamente e, com preço bem mais acessível.
É o caso do couro vegetal ou, dos tecidos encerados, como nesta calça:
DSC09591DSC09592
Camisa de seda e malha
Blazer: Folic
Calça encerada
Anabela: Schutz

Gostei tanto, que repeti a calça, no dia seguinte:
VermelhoVermelho
Top de seda: Sacada
Calça encerada
sandália: Luz da Lua
Mais clássica, com camisa furtacor, saia lápis e scarpin:
TrabalhoTrabalho
Camisa: AD Life Style
Saia lápis
Scarpin: Dumond

O look do sábado foi inspirado numa produção poderosa, da lindíssima Fiorella Mattheis:

Vermelho total, em diferente tons, foi uma tendência da última estação, uma variação do color blocking da estação anterior:
Color blocking (vermelhoColor blocking (vermelho)
Top de seda e saia encerada: Sacada
Carteira de crochê: Flor de Cafezal
Sapato: UZA
No domingo, sessão com “O Espetacular Homem Aranha”:
RosaRosa
Cardigã de linha e seda
Bermuda com lantejoulas: ELLUS
Bolsa: Uncle K
Sapatilha: Farm
Iniciando a semana com royal, uma das protagonistas da nova estação:
RoyalRoyal
Top de malha
Saia: Dress To
Carteirão: Schutz
Scarpin: Carmen Steffens
Mais cores!
CoresAmarelo
Regata de seda, saia lápis
blazer: Folic
Bolsa: ELLUS
Scarpin: Carmen Steffens
Deep blue!
BlueBlue
Blazer de veludo: Dona Florinda
Camisa: Richard’s
Bermuda e bolsa: ELLUS
Bota cano alto
Dia de folga e xadrez:
XadrezXadrez
Camisa: ELLUS
Cinto: Dona Florinda
Bermuda: Dopping
Sandália: AREZZO
Bolsa: Colcci

Leia Mais

Aparecida!

O ciclo “superexposição” vai dar um tempo depois deste, com os looks atrasados das últimas 2 semanas. A sequência foi interrompida pela viagem ao Rio, mas procurei organizar, dos mais antigos até o mais recente.

Este vestidinho de malha é curinga no armário-nunca amassa:
PretoPreto
Vestido: Lupo
Carteira de crochê: Flor de Cafezal
Sandália: Schutz
Preto é uma tela neutra onde se pode pintar cores vibrantes, usando acessórios.
Tricolor
E foi uma semana de muito preto e cores primárias:
Preto e brancoPreto e branco
Regata: ELLUS
Calça risca de giz: Animale
Peep toe: UZA

Dia de folga. Seria básica, não fosse pelo salto e bermuda de lantejoulas:
A passeioA passeio
Bata: Dudalina
Bermuda com lantejoulas: ELLUS
Bolsa: Cantão
Sandália: AREZZO

Nude e preto:
NudeNude
Camisa com lantejoulas
Saia lapis
Scarpin: Carmen Steffens
Bolsa: Uncle K

Saia fofa:
Preto e brancoPreto e branco
Camisa de malha: Track&Field
Saia: Dress To
Bolsa: Uncle K
Sapato: UZA

Calça xadrez foi tão amada, que usei três dias seguidos:
Branco e pretoBranco e preto
Bata de linho: Dudalina
Cinto: Calvin Klein
Calça: AD
Oxford bronze: Luíza Barcelos
Bronze nos pés
Pra não ficar tudo preto, pink!
RosaRosa
Óculos: Chilli Beans
Echarpre caveiras: Jump’s
Cardigã: Folic
Camisa de malha: Track&Field
Calça: AD
Oxford: Richard’s
Bolsa: Uncle K
Liberty e xadrez
Calças coloridas estão com tudo!
Preto e vermelhoPreto e vermelho
Regata e bolsa: ELLUS
Calça: Coca-Cola Clothing
Sapatilha: Animale
Xadrez
Sábado é dia de dar uma arrumadinha:
SábadoSábado
Top de crepe e malha: Dress To
Saia mullet de crepe
Peep toe anabela: Schutz
Peep toe Schutz

Leia Mais

Meus segredos…

“Podes dizer-me, por favor, que caminho devo seguir para sair daqui?
Isso depende muito de para onde queres ir – respondeu o gato.
Preocupa-me pouco aonde ir – disse Alice.
Nesse caso, pouco importa o caminho que sigas – replicou o gato.”

O diálogo entre Alice e o gato ilustra o quanto é importante estabelecer metas e planejar estratégias, quando se deseja atingir um determinado objetivo.

Há cerca de 9 meses gestei uma ideia, aqui na cachola: precisava mudar! Insatisfeita com meu peso, não conseguia encontrar a “saída”, como a perdida Alice. (Relembrando minhas queixas sobre essa insatisfação, neste post aqui, de abril de 2011).
Mesmo me empenhando nos exercícios, o corpo parecia não responder: resolveu entrar em greve e fazer birra comigo.
Era necessário atuar noutra frente de batalha porque, emagrecer não é mágica: é matemática! Comer menos do que se consome ou, consumir mais do que se come.

Reconheci que, depois dos 40, não seria tão fácil quanto imaginava.
Difícil, sim, impossível, não!

Achava que comia direitinho, mas resolvi procurar uma nutricionista. Assim, encarei um programa radical seca-gordura.
O resultado desse comprometimento( e da dupla infalível: dieta&exercício) não poderia ser diferente: nos últimos meses consegui emagrecer 8Kg .
O fechamento desse ciclo será no próximo domingo, quando participarei da minha primeira prova de longa distância(uma meia maratona), no Rio.

“-Oh, certamente que hás de chegar, disse o gato, desde que caminhes o suficiente.”

Concluir uma prova de 21 Km já é caminhar suficientemente. Porém, uma conquista que não se faz da noite para o dia: é quilômetro a quilômetro.

Embora seja um projeto pessoal, muitas pessoas se identificaram com a minha história, contada em fotos aqui no blog. Notaram diferenças. Algumas me escreveram, querendo saber qual o “meu segredo”.
Se tivesse descoberto algum, ou fórmula, dessas que propagam pela internet para emagrecer sem esforço, já estaria escrevendo um livro e ganhando muito dinheiro com isso.

Pensei em contar minha experiência esperando ajudar aqueles que, como eu, ou Alice, procuram uma saída, um caminho, ou apenas, estímulo.

Como naqueles programas de TV onde a pessoa passa por uma transformação radical, deixo aqui meu “antes&depois”:

A foto da esquerda foi feita em abril de 2011. A da direita, hoje pela manhã.

Alguém poderia estranhar o círculo preto no meu rosto, como se estivesse me escondendo. Estaria eu, com VERGONHA do que fui um dia?…
Jamais porque, assim como o blog mudou de cara nesses 3 anos e meio, eu também posso mudar, ué! E mudar, da ideia de mudar!
Mas a essência é a mesma! O Sala é da La, não da Le, nem da Li, nem de um fake qualquer. Tem nome, sobrenome, endereço de e-mail, uma família( de humanos, gatos e cachorro), adora música, moda, decoração, cozinhar…Se o que faço é relevante o suficiente para ser publicado?! Sinceramente, não sei.

Numa entrevista sobre desapego Danuza Leão disse, no Mais Você, que todos deveriam escrever um diário, ou blog para registrar a própria história. Faço apenas isso.

A foto da E foi “maquiada” e “estrelou” o post, num desses blog que vive de trollar os outros. Recebeu acalorados comentários, como (dentre os que eu poderia transcrever aqui): “cafona”, “brega”, “velha”, “zambeta”, “roupa feia do $%#*&##!”, “ridícula”, “sem valores”…

Mas já disse, e repito: não tenho VERGONHA!
Aliás, tenho: VERGONHA na cara e de ver, que muita gente que se diz descolada, de opinião, se esconde atrás do manto seguro do anonimato.

(Não vou deixar o link do referido blog, porque nunca fez parte da minha política indicar trabalho que não admire e, porque trollagem é bicho faminto: quanto mais o alimentamos, mais nos consome!)

Ponto.

Então, como havia prometido, vamos falar de…
Mas para o post não ficar cansativo, deixarei para contar “meus segredos” no próximo.

O importante é o seguinte: se está acima do peso, ou foge aos padrões estéticos mas, de bem com a vida, não considerando isso um risco à própria saúde, casamento, bom-humor ou, seja lá o que for…”erga as mãos para o Céu e agradeça!” Seja feliz!
Mas, se quiser mudar…é só querer!

(Continua…)

Leia Mais

Cadê o frio?

Outono ameno e ensolarado por aqui. Casacos, cardigãs e suéteres mais pesados ainda estão no fundo da gaveta.

Nada mais básico que jeans e camisa branca. Único diferencial, o cinto de couro com fivela de metal:
BásicaBásica
Camisa: Richard’s
Cinto: Dona Florinda
Calça: ELLUS
Bolsa: Cantão
Bota: Mr.Cat

Quando vi a Cris Guerra, do Hoje Vou Assim, usando esta saia estampada de quadrinhos, gamei!
QuadrinhosQuadrinhos
Regata de seda
Saia e sapato: Dress To
Bolsa: Uncle K
Cardigã: Folic
Pretendo ainda fazer um ajuste no comprimento da saia porque, ou trabalho, ou cuido de cobrir as pernas, de tão curta, para os meus padrões.
Quadrinhos
O sapato( purpurina e salto verniz) veio no mesmo pacote da saia:
Preto e vermelho
Na quinta um look descabelada, suada, cansada, mas feliz por ter concluído, a primeira vez, um treino de 21 Km. (Em menos de 2 semanas estarei participando de uma meia maratona, no Rio.)
Dia de treino
Sexta passada, dia do meu aniversário, coloquei vestido fresquinho pra combinar com o clima:
ColoridaColorida
Vestido: Farm
Bolsa: Uncle K
Peep toe anabela: Schutz
Preto&branco, com colar de pele Chanel:
Preto&brancoPreto&branco
Vestido de malha: Antes de Paris
Peep toe verniz: Ferrucci
Preto&brancoPreto&branco
Na tarde de sábado o tempo esfriou, mas só um pouco:
Tramas e gatosTramas e gatos
Maria Filó
Bolsa vintage Gatinhos: Laurina Crafts
Peep toe anabela: UZA
Semana começou estreando manhãs mais frias. O casaquinho de veludo esquenta na medida certa:
Azul e vermelhoAzul e vermelho
Blazer de veludo: Dona Florinda
Camisa de malha devoré: Bobstore
Calça: Calvin Klein
Bota country
Bolsa: Uncle K
Esquentou é só tirar!
Azul e vermelho
Outro dia de basiquinho:
PoloPolo
Camisa polo: Cavalera
Cinto e bolsa: Uncle K
Calça: Cantão
Mocassim: Peach by Constança Basto
Mocassim
A mesma calça, que amo, com bata florida:
Inverno amenoInverno ameno
Inverno ameno:
Bata com hibiscos: Richard’s
Calça e bolsa: Cantão
Tênis patch
I love patch!
E essa é a história dos meus “vestidos”. O de vocês tá guardado no post promocional do livro “Amor, perdas e meus vestidos“. Relembrando que, no meu perfil no Facebook será sorteado um outro exemplar do mesmo livro( e lá, a concorrência é menor!), neste post aqui!

Leia Mais

Looks e Chanel

Depois de mais de 1 semana sem postar os looks, voltamos à nossa programação normal.
O comprimento mimolet é “perigoso” às mais baixinhas, como eu, pois pode achatar a silhueta. Mas quando experimentei este modelo de cintura mais alta( que alonga as pernas), gostei do resultado:
Dia de princesaDia de princesa
Headband, regata e saia mimolet: Maria Filó
Cardigã: Folic
Bolsa:Uncle K
Cinto: Cantão
Sapatilha: New Order
Eu me senti como uma princesa, nessa saia rodada. A headband de couro dourada coroou a produção:
Dia de princesa
O jeans imita uma trama de tricô.
Bailarina
No início da semana, muito gripada, não estava disposta a complicar na escolha da roupa. O estilo “lady” é um dos que mais combina comigo. Um dos motivos que me fez apaixonar nesta saia, repetida, no dia seguinte:
LadyLady
Regata de veludo: Shop 126
Cinto purpurina: Luíza Barcelos
Saia mimolet: Maria Filó
Sapatilha: Ferrucci
Bolsa: Uncle K
Mas como não sou de me apegar a um só estilo, seguuura peão!!
Segura peão!Segura peão!
Camisa vichy: Leeloo
Calça flare e bolsa: Cantão
Bota

Pra colocar ordem na casa, militar:
MilitarMilitar
Echarpe: Bobstore
Bolsa: Colcci
Chemisie e bota cano alto

Mais “relax”, no dia seguinte:
DouradaDourada
Vestido em malha: Dress To
Bolsa: Colcci
sapatilha: Ferrucci
Dourada
A saia ou vestido mullet é uma outra cilada: confesso que o comprimento curto, na frente, mais comprido, atrás, causou-me certa estranheza, desde a primeira vez que vi:

Mas gostei desta saia, menos “modernosa” e mais clássica:
MulletMullet
Camisa e saia mullet, em crepe
Cinto purpurina: Luíza Barcelos
Sandália meia pata: Luz da Lua
Mullet
Domingo de Sol, roupa igualmente ensolarada:
SoftSoft
Blazer jeans: zapping
Regata de malha
Cinto: Uncle K
Saia: Sommer
Sapatênis patch
Mochila de lantejoulas: Cantão
Brilhos e patch
Falando-se em moda, um dos ícones de elegância foi Coco Chanel:

Inspiração para o nome da nossa mais nova gatinha, nem tão nova assim, já que está conosco desde que a Maizena nos deixou:
Chanel
Chanel, aliás, é uma das irmãzinhas da Maizena.
Chanel
Preta e branca, a combinação da elegância.
Chanel
Ao contrário da irmã, essa é muito tímida e assustada: basta um barulho estranho, um movimento brusco para fazê-la sumir, embaixo da cama. Como um lobsgato, à noite transforma-se: sobe na cama, brinca, ronrona, dorme de conchinha comigo. Estamos nos conquistando.

E nesta semana vai ter promoção, por aqui. Fiquem de olho!

Leia Mais