Arquivados em 'arranjos' Categorias

Brunch para Vinícius

Postado por Laély, no dia 11-11-2013 - Categoria: arranjos,filhos,meu quintal,receitas - 18 Comentários

Escrevo este blog há quase 5 anos. Nesse período, muita coisa mudou( outras, nem tanto): a casa, os gatos que passaram por ela, o corpo, a família…
Pra quem me acompanha há mais tempo, a história já é sabida. Pra quem não, entenderá melhor este post se, antes, ler um outro: “De mãe pra filho“.
Resumindo: tenho três filhos, quase todos, de barba na cara. Pra quem não acredita, olha os “meninos”, aí:
DSCN1148
A verdade incontestável da vida: os filhos crescem. E, se vão…
Conosco, apenas o mais novo, que acabou de completar 14 anos. O mais velho faz faculdade, na capital, e o do meio resolveu ir pra mais longe, bem longe…O tempo não para: são quase 2 anos…
Há uma semana ele voltou, para uma visita rápida. E, como não poderia deixar de ser, a gente quer mimá-los, de todas as formas!
A avó materna não pôde vir ao seu encontro. Mandou, lá de Belém, delícias regionais, que ele tanto gosta.
No seu último sábado no Brasil saboreou frango com jambu, no tucupi e, de sobremesa, açaí.

“Será que meus filhos terão alguma reminiscência da maneira como tempero nossa comida? A gente nunca sabe o momento, exato ou inexato, em que vai entrar para o rol de lembranças de alguém. Qualquer ação ou atitude podem virar protagonistas; preciso me lembrar disso, para caprichar mais nas coisas.
Será que, n’algum momento da vida, eles tentarão recuperar algum sabor de suas infâncias? Experimentarão, quando grandes, algo que não tenha sido feito por mim, fecharão os olhos por alguns segundos e se pegarão dizendo ‘Parece a torta de legumes da mamãe’ ou ‘É igual ao creme de abóbora que ela fazia’?
No fundo, a gente quer é ser lembrada. E o alimento é a memória afetiva mais forte que existe. É o primeiro presente que ganhamos, ao nascer. Onde fica a boca do mundo?”

Foi o que a Silmara Franco escreveu, no último post.
Concordo com ela! Trago algumas recordações gustativas e olfativas da infância, como um pão de canela que minha mãe costumava fazer.
Acredito piamente que, cozinhar é uma forma de acarinhar. Uma das formas. Cada um tem a sua…
Um bom compositor faz música, eu, embora não me considere tão boa cozinheira, comida. É a minha sonata, para olhos e paladar.

Então, antes mesmo dele chegar, decidi por uma despedida em volta da mesa, junto com alguns amigos. E foi, assim:
DSCN1113
Depois de uma semana de tempo fechado, chuvoso e frio a manhã de domingo estreou, com um belo dia de Sol: perfeito, pra montar a mesa no quintal!
DSCN1088
As opções salgadas do cardápio: sanduíche, no pão integral, de atum e pepino*, quiches( tomate seco/cogumelos frescos), cuscuz marroquino, focaccia integral com tapenade de azeitonas, receita do Panelinha.
*Para o recheio do sanduíche piquei pepino japonês em cubinhos bem pequenos, acrescentei um pouco de sal e deixei escorrer numa peneira. Depois, sequei o excesso de água em papel toalha e acrescentei ao recheio de creme de ricota e atum. Acertei o sal e a pimenta. Os pedacinhos de pepino dão uma textura crocante ao creme.
DSCN1108
Opções doces: torta de ricota( com geleia de morango e geleia de goiaba), bolo gelado de abacaxi, bolo de mamão e aveia, biscoitinhos de nata.
As bebidas servidas foram suco e chocolate quente.
DSCN1090
DSCN1107
DSCN1091
Flores na mesa, colchas no varal, mix de louças: se você gosta de cores, não há contraindicações!
DSCN1125
Como ele viajaria à tarde, a ideia do brunch foi a mais viável: um café da manhã mais tarde, com cara de almoço.
DSCN1122
O importante era deixar todos à vontade.
DSCN1109
DSCN1086
DSCN1087
DSCN1094
DSCN1099
DSCN1105
E teve música especial, de despedida…
DSCN1132
E um breve momento de reflexão, dirigido pelo nosso pastor:
DSCN1129
Ficar longe até que não é tão difícil, hoje em dia. Difícil, mesmo, é dizer “auf wiedersehen”!

“Dê a quem você Ama :
- Asas para voar…
- Raízes para voltar…
- Motivos para ficar… ”
(Dalai Lama)

    Noite especial

    Postado por Laély, no dia 19-09-2013 - Categoria: arranjos,biscoitos,receitas - 14 Comentários

    Há cerca de 1 mês fiz aniversário: 25 anos de casamento. Uma data a ser comemorada com pompa e circunstância, mas preferi um jantar íntimo, pra família e os amigos mais chegados:
    nina
    Nina e Chanel foram as primeiras a chegar…
    chanel
    Enquanto elas conferiam a decoração da sala, eu preparava a mesa:
    DSCN0409
    A entrada fria foi uma salada mix de folhas(incluindo folhas baby), figo assado com queijo gorgonzola e redução de vinagre balsâmico:
    DSCN0407
    O prato principal foi medalhão de filé mignon ao molho de vinho tinto, purê de batata baroa e arroz negro. Na hora da correria pra montar todos os pratos acabei não fotografando.
    Uma dica pra quem vai receber é antes certificar-se, se algum dos convidados tem alguma restrição alimentar. Meu marido, por exemplo, não come cebola, de jeito nenhum! Pois achava que conhecia a todos muito bem mas, na hora de servir, descobri que um deles não comia carne. Nessas horas é bom ter uma segunda opção: o que me salvou foram os cogumelos frescos( shitake), que tinha na geladeira. Passei-os na manteiga e, zás-trás, tudo pronto!

    Para sobremesa, um doce, não muito doce, de textura aerada, que eu amo!
    DSCN0414
    “Tiramissu”
    Ingredientes:
    -300g de cream cheese
    -1 xícara de creme de leite fresco
    -3/4 de açúcar refinado
    -1 colher de sopa de Marula
    -1 colher de sopa de rum
    -3 claras separadas
    -3 colheres de sopa de açúcar( para acrescentar às claras, batidas em neve)
    -Biscoito champagne
    -1 copo de café forte+1 cs de Marula+1 cs de rum( para umedecer o biscoito)
    -Cacau, para polvilhar

    Modo de fazer:
    Bata as claras em neve, acrescentando, uma a uma, as 3 colheres de sopa de açúcar. Reserve.
    Noutra tigela bata o cream cheese com o creme de leite fresco, gelados. Acrescente o açúcar, a Marula e o rum. Bata, até ficar mais consistente, como chantilly.
    Misture 2/3 das claras em neve ao creme. Depois incorpore o restante das claras, delicadamente.
    Forre o fundo de uma grande taça de vidro com os biscoitos umedecidos no café, rum e licor.
    Deite uma porção do creme sobre eles.
    Polvilhe o cacau.
    Faça camadas: biscoito úmido, creme e cacau, até terminar.
    Deixe na geladeira por, no mínimo, 6 horas.
    DSCN0422
    Outra opção foi o bolo de chocolate mais tradicional, aqui em casa:
    DSCN0416
    Queria um bolo simples, mas com cara de festa: recheei de chantilly com geleia artesanal de morango e cobri com frutas vermelhas, polvilhadas com açúcar de confeiteiro. A receita é daqui, daquelas que sempre dão certo!

    O tiramissu leva apenas claras de ovos. Sobraram-me as gemas. Resolvi aproveitá-las, num biscoitinho superdelicado:
    DSCN0506
    E presenteei cada convidado com alfajores, embalados em marmitinhas de alumínio:
    alfajores

      Noite de Talentos, quarta edição!

      Postado por Laély, no dia 22-08-2013 - Categoria: arranjos,crochê,decoração,Música - 5 Comentários

      Pelo quarto ano consecutivo fizemos, no início deste mês, nossa tradicional “Noite de Talentos“.
      A ideia é juntar os amigos da igreja para uma noite descontraída, com comida típica da época, música e representações.
      Desta vez o tempo colaborou: nada de chuva e o frio, moderado, ideal para uma comemoração ao ar livre!
      Arrumei a mesa no quintal, com tudo de mais colorido que tinha em casa:

      Colchas, de crochê e fuxico, serviram de pano de fundo e a chita cobriu a mesa.
      Servi primeiramente os alimentos quentes e salgados: foram dois tipos de caldo, agnoline e creme de aipim com carne seca, acompanhados por focaccia e pipoca.

      Depois, os doces: mini-pretzels de canela, broinhas alemães, bolo de fubá, bolo de mamão, queijadinhas, canjicão, mini-tarteletes de banana com chantilly.
      Para beber, refrigerantes e chás.

      Tão corrido, que não deu pra fotografar todos os detalhes mas, uma dica, pra quem planeja algo parecido: faça uma lista dos ítens do cardápio e adiante o que puder.
      Preparei antecipadamente os pretzels, focaccia e broinhas alemães já que, obrigatoriamente, devem ser servidos, assim que saírem do forno. Para isso, já congelei tudo nas fôrmas. Na tarde da festa tirei tudo do freezer e deixei descongelar, à temperatura ambiente, crescer para, depois, assar( é bom planejar, para sincronizar com o horário de servir).


      Depois do lanchinho coletivo, a hora do “show”, que começou com a exibição de um vídeo, produzido pelo marido para o evento, com a participação especial do filho mais novo, como dublador do Lula.

      Histórias, cantoria…

      Música instrumental…


      E, para os que não foram, a ideia do que perderam:

        Brunch no Gaaya Spice

        Postado por Laély, no dia 23-08-2012 - Categoria: arranjos,datas especiais,fotografia - 11 Comentários

        Quando pensei em fazer o brunch de dia dos pais na minha casa, usei como inspiração um post do Gaaya Spice, espécie de restaurante secreto*, extensão gourmet do ateliê Gaaya, de arte e design, em Uberlândia( assunto para um próximo post).
        “*secreto e clandestino são apenas designações para esse tipo de restaurante mais cozy que funciona apenas alguns dias por mês e são instalados em lugares não óbvios, neste caso, parte do espaço funciona todos os dias como loja/ateliê de arte e outra parte (cozinha e salão), funciona apenas alguns dias a noite, como restaurante.”
        O que mais chamou minha atenção foi a arrumação despretensiosa porém, primorosa, que deu todo o charme à recepção!
        Manhã de Sol, parede de lousa caprichosamente desenhada, móveis desgastados, transparências e um cardápio de encher a boca d’água…

        Uma grande moldura destacou a parede, além de servir de suporte para arranjos e comidas:

        Jarras, potes de vidro e até gavetas de madeira acomodaram arranjos de flores, suculentas, ranúnculos aspargos plumosos e prateas.

        A mesa de comidas e o cardápio variado:

        Fôrma de alumínio virou suporte de prato:

        E as melancias, simpáticos e refrescantes picolés:

        Flores naturais são indispensáveis! Os guardanapos foram amarradinhos:

        Água saborizada e enfeitada, com limão siciliano e morangos( exibida em jarras transparentes, logicamente!):

        Mais fotos maravilhosas e inspiradoras, no Gaaya Spice.

          Brunch do dia dos pais

          Postado por Laély, no dia 15-08-2012 - Categoria: arranjos,datas especiais,receitas - 28 Comentários

          Domingo resolvi fazer um brunch na minha casa.
          Pra quem não sabe, brunch é a junção de duas palavras do inglês: “breakfast”(café da manhã) e “lunch”( almoço). Resumindo: o brunch é um café-almoço servido no meio da manhã, que se estende até o início da tarde. Ideal para comemorações informais, como no “dia dos pais”.
          O convite foi estendido a alguns amigos da igreja. A ideia era fazer a recepção no quintal, mas o tempo não ajudou: chuva, Sol, depois, chuva novamente…
          Mudança de planos, de última hora: a pequena sala foi adaptada para acomodar a todos!
          Brunch dia dos pais
          O cardápio do brunch é bem flexível, com ítens do café da manhã e pratos salgados.
          Abusei da liberdade para misturar cozinha italiana, marroquina, mexicana, francesa…o que vale é o sabor e a diversidade de belisquetes.
          Como esta entradinha, que apelidei “espetinho caprese”:
          Espetinho caprese
          Muito simples e gostoso: mussarela de búfala, tomate cereja e ovo de codorna, banhados no pesto de manjericão. Servi, em copinhos de cachaça:
          Espetinho caprese
          O cuscuz marroquino é assim: vapt-vupt! Pra fazer e pra comer! Neste, misturei sardinha, além de raspas de limão siciliano, azeite, tomate cereja, hortelã, cebolinha e milho:
          cuscuz marroquinho
          O cuscuz marroquino precisa ser hidratado anteriormente, na mesma proporção de água fervente. É um ótimo acompanhamento para peixes e pode substituir o arroz.
          Uma receita com cuscuz, no site Panelinha.
          Outro prato salgado, quiche de frango:
          Quiche de frango
          Entre as opções indispensáveis do café da manhã, pães variados!
          Brunch dia dos pais
          Fiz pão de mandioquinha, recheado com creme de queijo, pão australiano, com queijo minas e melado, pão de leite, com salsicha de peru e Catupiry. Além desses, pão francês de padaria.
          Brunch dia dos pais
          Achei uma forma simpática e atraente de servir salada de frutas: no espeto, com suco de laranja bem geladinho. As tacinhas de capuccino encontrei em loja de R$1,99:
          Salada de frutas no espeto
          Pra beber: 2 tipos de suco, guaraná, chá e chocolate quente.
          Brunch dia dos pais
          Brunch dia dos pais
          Na outra mesa, bolo de cenoura, bolo de maçã, tortinha de abacaxi com coco:
          Brunch dia dos pais
          Guacamole, geleia, doce de leite, manteiga, torradinhas:
          Brunch dia dos pais
          A mesa, em diferentes ângulos:
          Brunch dia dos pais
          Brunch dia dos pais
          Brunch dia dos pais
          E assim terminou mais um dia especial, na companhia de amigos e flores…
          Brunch dia dos pais

            Inspiração floral

            Postado por Laély, no dia 18-04-2012 - Categoria: arranjos,mesa rústica - 3 Comentários

            Catei umas imagens no Pinterest, com arranjos supercoloridos e alegres para um almoço, ou jantar especial.
            Lembrando que, logo estaremos comemorando o “dia das mães” e, em seguida, o “dia dos namorados”.
            Não há como negar, que flores à mesa valorizam qualquer reunião informal.
            Os arranjos vão de singelos a mais luxuosos. Neste, a delicadeza do degradê de cores:
             centerpiece umbre
            Tons e sobretons de rosa:
            .
            Vermelho, verde, turquesa e branco:
            shower
            Tons pastéis, em diferentes alturas:
            Pretty table setting
            Vermelho, branco e rosê em potes de vidro:
            pretty table

              Ideias de última hora para a páscoa

              Postado por Laély, no dia 06-04-2012 - Categoria: arranjos,Páscoa - 6 Comentários

              A páscoa, assim como o natal, são as 2 festas cristãs mais importantes do ano. Ninguém deve perder de vista, isso: que, acima de tudo, são festas religiosas, com significados muito mais profundos do que o comércio pretende vender. No entanto, como todo festa, deve ser alegre e um momento de celebração em família e na igreja.
              Lembro que, quando criança, uma páscoa inesquecível foi um piquenique feito na praia, com direito à caça aos ovinhos escondidos entre arbustos e pedras: pequenas alegrias, que marcam a vida toda.
              Com essa intenção deixo algumas ideias para fazer dessa ocasião algo inesquecível , especialmente, para as crianças.
              Um almoço ao ar livre, com direito a bandeirolas de papel ou tecido, e mesa caprichosamente decorada:
              Rabbit Finger Puppet
              Destaque para a surpresa fofa saída do saquinho, marcando o lugar à mesa.
              A seguir, sugestões da Martha Stewart:
              Peso médio dos ovos decorados
              As bolotas nos balões, acima, podem ser feitas com adesivos de marcar ou, com canetinhas.

              O guardanapo de coelho, abaixo, já foi mostrado anteriormente, aqui e no Facebook:

              Mas essa semana o vi, numa loja de decoração, com um detalhe a mais: um botão de pérola, passado num barbante ou fitilho e amarrado ao guardanapo, dividindo-o ao meio, pode simular o narizinho do coelho.
              O PAP de como dobrar o guardanapo, aqui.

              Mais arranjos simples e graciosos para a mesa de páscoa:


              A Jo Gusson, do blog Brasil Moda Mais, recheou ovinhos com jujubas e enfeitou-os com tule e fitilhos:

              Clique no link acima, pra ver o PAP explicadinho que ela fez.
              E, para fechar a tarde com chave de ouro, que tal promover a tradicional brincadeira de caça aos ovos, com as crianças?
              Estão fora.  Gramado, pobres inocentes.  Como uma alternativa aos ovos de plástico, decorar ovos ocos reutilizáveis, de madeira e enchê-los com prêmios.  De duas polegadas de altura divididos em madeira Ovos franga é de US $ 4 a $ 6,50 cada um em Woodworks.  Um conjunto de peças sete não pintadas em branco Ovos do assentamento é de R $ 25 no Galo de Ouro.  Imagem via Martha Stewart.
              Mas, lembre-se: não é uma competição, mas sim uma brincadeira, onde até as crianças que encontrarem menos ovinhos ou, nenhum, merecem prêmio.
              Alguém merece um prêmio.  Imagem via Assuntos Comunitários.
              O que vale é participar, afinal, a páscoa é um presente para todos nós!

              Imagens: Remodelista

                Batendo ponto

                Postado por Laély, no dia 04-04-2012 - Categoria: arranjos,Jardinagem,lousas,Nina - 8 Comentários

                Sabe criança, quando é pega fazendo “arte”?…
                Entrega à domicílio
                Assim fico eu, de sorriso amarelo, quando não dou conta de todos os compromissos assumidos.
                Siiim! Porque, pra mim, embora não encare o blog como “obrigação”, vejo-o como um compromisso( sutil diferença, mas que muda todo o sentido!): antes de tudo, feito comigo mesma, de escrever com frequência sobre as coisas que mais gosto, ou que me impressionam de alguma forma.
                Falando em compromisso, tá de pé o meu com vocês de explicar o porquê dos posts mais espaçados ultimamente. Mas vamos deixar essa conversa pra depois do feriado, porque não é hora para DR( discutir relação).
                Por enquanto, uma ideia DIY simples e elegante para personalizar vasos de temperos:

                No Design*Sponge há um PAP bem fácil, inclusive, com os moldes para marcar as tags de lousa nos vasos.

                É golpe baixo apelar como o ex-presidente, mas a carne é fraca…
                Ficheiro:Fernando collor.jpg
                “Minha gente! Não me deixem só! Eu preciso de vocês.”

                Voltamos em breve. (Mais breve que o retorno de Collor à política.)
                (Mas se bater uma saudade fora de hora, pode procurar a Laély Fonseca no Facebook.)

                  Ideias para a páscoa

                  Postado por Laély, no dia 30-03-2012 - Categoria: arranjos,datas especiais,Páscoa - 1 Comentário

                  Semana de páscoa e, para quem tem crianças em casa, de preparativos.
                  Encontrei algumas ideias temáticas e apaixonei-me por esta árvore de ovinhos decorados, pintados à mão com aquarela:
                  Color Me bonita: Idéias Páscoa
                  Para os mais “avançados” nas artes manuais porém, nada impossível de se fazer.
                  Color Me bonita: Idéias Páscoa
                  Muito delicado, não?
                  Os ovinhos foram pintados pela artista Leslie, A Creative Mint, mostrados no Decor8.

                  Sugestão da tia Martha Stewart para decorar a mesa:

                  Purple Area

                  Estes, com mosaico de caquinhos de cascas de ovo foram obra da paciência da minha amiga Rosana Sperotto:

                  A seguir, ovinhos simpáticos capazes de seduzir e encantar qualquer criança, ou adulto:
                  ovos de páscoa pintos hardboiled formas
                  At Home with Kim Valée

                  Paciência é o material básico necessário para fazê-los, mas tutoriais podem ser encontradas no link acima ou, aqui:
                  Família de ovinhos: JustJENN recipes
                  Ovinho de coração: Anna the Red
                  Ovinhos na caixa: Eye Candy
                  Para moldar ovinhos, nada mais prático e fofo que estas fôrminhas japonesas:
                  moldes do ovo da páscoa bento japonês
                  Surtei!
                  O PAP de como fazê-los, aqui:Just Bento
                  Falando em coelhinhos, uma simples dobradura de guardanapo já deixaria a mesa no clima:

                  A Luciana Costa é daquelas leitoras assíduas e queridas, que sempre me manda uma mensagem simpática comentando algum post, além de me acompanhar pelo Facebook. Dias atrás ela deixou este recadinho no meu e-mail:
                  “Ah! Posso te enviar uma foto de uns coelhinhos que eu fiz?!
                  eles são feitos com americano cru e retalhos, fiz pra contar uma história pro
                  meus alunos da pré escola, inspirado no livro da Ruth rocha ‘O coelhino que não era  de Páscoa’
                  Fiz uma família inteira de coelhos,rsrs…
                  Ví no Jornal Hoje no sábado passado e me arrisquei fazer sem saber muito sobre costura
                  Sou suspeita pra falar mas ficou uma adaptação muito legal.
                  Quem sabe as seguidoras do Blog que não entende assim como eu
                  de costura se animam?!”

                  E então: aceitam o desafio da Luciana?
                  O link do Jornal Hoje citado pela Luciana está aqui.
                  HAPPY WEEKEND
                  Imagem: Decor8

                    Reunindo a família

                    Postado por Laély, no dia 24-01-2012 - Categoria: arranjos,meu quintal,receitas - 19 Comentários

                    No último fim de semana foi aniversário da minha mãe. É bom poder comemorar essa data juntas, pois uma grande distância geográfica nos separa, a maior parte do tempo(ela mora em Belém e costuma visitar-nos essa época do ano).

                    Na quarta ela se despede do ES mas, sempre que passa por aqui, deixa um rastro de benfeitorias, na casa e na alma da gente: costura roupas e lençóis rasgados, com paciência de Jó( aliás, acho que mãe deve vir de fábrica com visão de super-homem, para enxergar o que a maioria não vê!), cuida, conversa, escuta, elogia, puxa a orelha, quando necessário…

                    Não sei se, em homenagem a ela, a chuva deu uma trégua; tempo suficiente, para animar uma almoço no quintal. Porque, dia ensolarado e ameno, não se pode desperdiçar!
                    Tarde sobre a mata
                    Montamos a mesa no quintal, à sombra mutante de um grande cipreste( a sombra muda de lugar, conforme a hora do dia).
                    O almoço foi simples e regional: frango no tucupi, arroz branco e farofa.
                    Porém, o mais gostoso é poder bater papo com os amigos.
                    Aniversariante
                    Foto não-oficial:
                    Aniversário da mãe
                    Cores e flores, para completar o clima de descontração:
                    Cores e flores
                    As sobremesas são as minhas preferidas. E, a preferida das preferidas dela, é a torta de limão que faço!
                    Sobremesas
                    Misturei bolo fudge de chocolate, receita do Panelinha, e a tentação calórica ficou mais irresistível ainda( sem falar, no açaí do Pará)!
                    O cardápio não seguiu nenhuma combinação ou lógica, apenas, o “querer agradar a todos”!
                    Bolo fudge
                    Mas achei que laranja e marrom combinavam bem:
                    Capuchinha
                    Um descuido e minha torta teria queimado mas, consegui salvá-la a tempo!
                    Torta de limão
                    E a dupla do barulho:
                    Dupla tentação
                    Um presente a mais, além do dia ensolarado, foi a coincidência na floração da cerca viva de murta:
                    Murta florida e perfumada
                    O muro verde já alcança quase 3 m de altura e circunda toda a casa, abraçando-nos com seu delicado perfume, quando em flor.
                    Aproveitei, para deixar um buquê no lavabo:
                    Murta perfumada no lavabo
                    E foi assim que mais um dia terminou por aqui:
                    Entardecer
                    Quero pensar que, da próxima vez que minha mãe voltar, a família estará toda reunida, inclusive, com o Vinícius, “que está na Alemanha”…