Cookies tipo exportação

Escrever, ao contrário de falar, nunca foi um grande problema pra mim, mas confesso que nesses últimos dias tem sido difícil. Por vários motivos, principalmente, porque as férias do filho, em casa, estão se extinguindo. Junto, parte do meu ânimo.
Semana passada foi minha mãe que chegou, de Belém, a tempo de rever o neto, antes que esse retorne para a Alemanha.
E, como diria Roberto Carlos: “são tantas emoções!…”
Então, como já comentei em posts anteriores, tenho administrado tempo e emoções tentando priorizar o que é realmente importante e, no momento, o mais importante é curtir a família, o máximo possível!
Mas o filho já começou a arrumar as malas pra retornar, em 2 dias.
Lembrancinhas para a família alemã anfitriã não podem faltar, inclusive, feitas à mão. Coisas muito simples, como alguns cookies integrais adicionados de castanhas do Pará, castanhas de caju e pedaços de chocolate meio amargo.
Cookies integrais
Embalados em celofane e cuidadosamente arrumados numa lata decorada.
Cookies integrais
Cookies integrais
Receita antiga, daqui!
Vou ali, rapidinho, despedir o filho no Rio de Janeiro.
Volto já!

(Praia de Itapoã, Vila Velha, pouco antes de uma corrida noturna.)

You may also like

14 Comentários

  1. Lindo presente..esses cookies com certeza estão deliciosos.Quando algum presente é feito por nós, acredito que ele é sempre mais bonito e saboroso , pois colocamos nossa intenção e nosso amor.Ótima viagem para o seu filho e pra você força de novo para segurar a saudade…ser mãe em algumas horas não é fácil.Beijos.

  2. Ô querida, até pra quem tá longe esse tempo com teu Vi voou. Também ando em crise com as palavras, desde que esse astral tão pesado e triste se instalou especialmente aqui no Estado. E também revendo o empenho dedicado à virtualidade, mais específico, ao face. Abraço grande, pra ti e pro “viajador”, como dizia o Bruno

  3. Lembrancinhas mais do que especiais Laély. Em dois dias, também tô despedindo meu filho mais novo rumo à Holanda pra ficar por um ano. Então, de certa forma, o mesmo sentimento nos rodeia: Mistura de satisfação pela oportunidade que têm e sintomas antecipados da saudade que certamente teremos dos nossos passarinhos. Beijos

  4. O nome do post fez jus ao visual! Que maravilha! Quase posso sentir o cheiro e o gostinho…
    E como mãe também sinto o aperto no coração quando minhas filhas voam…
    Abraços
    Lúcia

  5. Li teu post e engasguei com vontade de chorar…Sei bem como estás te sentindo, passei por isso quando minha mãe veio me visitar (moro na Irlanda) ela ficou 3 meses maravilhosos, dias antes fiquei com uma dor no coração e não parei de chorar por uma semana. Aproveita bem teu filhinho!! Adoro teu blog, nunca comentei nada, mas não faltou vontade, ficava aqui escondidinha…Ahh adorei a receitinha dos cookies..vou fazer..
    Beijinhos
    Sheila
    http//vidasuculenta.blogspot.com

  6. Ficou charmoso o presente e o cuidado em ser feito por você o deixa ainda mais especial!
    Imagino a Astrid filmando a despedida para seu programa “Chegadas e Partidas” que passa na GNT…choro em todos, nas chegadas e nas partidas! Antes achava que era mais dificil para quem ficava, agora depois de estudar longe de casa e encher um balde de lágrimas cada vez que voltava sei que dói dos dois lados…
    Grande abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *