Ainda é natal!

Natal é período apropriado para reconciliações. Aproveitando, faço “mea culpa” e peço perdão: pelo meu sumiço e aparente falta de interesse com o blog.
Havia programado alguns posts, mas a correria acabou me atropelando.
Aliás, foi assim que me senti, ontem à noite: como se um caminhão tivesse passado por cima de mim, tamanho o cansaço! Se papai noel tivesse aparecido, nem teria percebido.

Essa época também é propícia a lembrar daquelas pessoas que realmente fazem diferença na nossa vida. Mas a situação não tá nada fácil: nem sempre dá para presentear cada um, como gostaríamos.
Pensando nisso, resolvi rechear umas marmitas com biscoitos feitos por mim. E embora o natal já tenha passado, antes do ano acabar, ainda vale presentear.
Alfajores que desmancham na boca, deixando um gostinho de quero mais, mais…
Alfajores
Marmitas de natal (mostradas num post do ano passado) foram minha opção para embalar os alfajores.
Marmitas de cookies
Falando em biscoitos, a Ana Resstel pediu-me, via Facebook, que lhe mandasse o link de uma receita de cookies de aveia publicada há tempos, aqui no blog.
Pra quem ainda não sabe, na barra lateral D há uma “caixinha” de pesquisa onde podem acessar, com palavras-chave, posts mais antigos.
Entendi a dificuldade da Ana, pois só de “cookies”  há várias receitas.
Como esta:
“Biscoito chama menino” 
Ou esta:
“I love cookies” 
Mais esta:
“Cookie triplo de chocolate da Nigella” 
Mas a que a Ana queria, mesmo, era esta:
“Cookies de aveia” 
E até mandou foto, do feito:

A Lu Gastal republicou a receita“os melhores biscoitos do mundo” e eu, encasquetei de fazer, para o natal!

Esses são os que ela mesma fez. Os meus, não deu pra fotografar.
Tive uma dificuldade inicial para trabalhar a massa no calor que fazia, véspera de natal: apesar de ter acabado de sair da geladeira ela parecia dissolver-se, e grudava com facilidade, na hora de ser aberta com o rolo. Mas foi só dividi-la em duas partes e guardar a massa restante na geladeira, enquanto abria a outra metade um pouco mais grossa, para contornar o problema.
Também achei, que apenas 14′ não foram suficientes pra os biscoitos ficarem bem crocantes( talvez, por tê-los aberto um pouco mais grossos).
Outro senão é que a receita não ensina como fazer o glacê: como não sou confeiteira e estava com pouco tempo, ficaram sem decoração, mesmo. Como minha primeira experiência com a receita,  até que o resultado foi bem razoável mas o “melhor biscoito do mundo”, mesmo, é aquele que é feito com carinho, para agradar( embora alfajores estejam nessa disputa, como os melhores!).

Falando em carinho e doçura, como presente de natal atrasado deixo este vídeo mostrando Dona Canô, que morreu aos 105 anos, depois de ter passado a noite de natal com a família( data apropriada para um anjo partir…): “Música velha é que é música boa!”

Enquanto isso fico por aqui, na contagem regressiva para o retorno do filho, que chega da Alemanha na sexta.
Reiterando o convite para me acompanharem, lá no Facebook. Apesar de mais curtas, as atualizações são diárias.
Abraço de tigre!

You may also like

11 Comentários

  1. Nunca comento, mas sempre sempre sempre adoros seus posts. Adorei o abraço de tigre. Sempre ganho “abraço de urso” do meu filhote de cinco anos, agora darei “abraço de tigre” nele.
    Feliz Natal!!!
    Beijos.
    Cris

  2. Oiê!!!
    Só passei pra desejar Feliz Natal lindona!!! Que o reencontro com o filho amado te encha de energia, amor e força para encarar 2013 de frente!! Aproveito para reforçar meu carinho especial pelo seu blog e meu amor por você (quando leio o que escreves aqui, sempre acho que é pra mim, como se estivéssemos conversando e bebendo muito água depois de uma ótima corrida!)
    Beijo no seu coração e um grande e caloroso abraço para sua família amada, que Jesus os abençoe grandemente hoje e em 2013!
    Leila

  3. Sim, Natal é período apropriado para reconciliações, inclusive com nós mesmas.
    Esses seus alfajores estão super convidativos.
    A doce dona Canô vai espalhar sua doçura em outro plano e deixa a lição: ” Sempre fui muito alegre. Sempre gostei muito de festa.Nunca me exaltei. Se exaltar, brigar, se exasperar, perde a vida, minha filha”.
    Um grande 2013 pra todos nós querida Laély!!!

  4. Oi Lá, bom ver post novo !
    Que alegria seu coração deve estar, contando os minutos para sexta chegar logo !!!
    Adorei o alfajor.
    Que 2013 seja maravilhoso, com muita saude e amor pra vc e sua familia !!!
    Beijooo

    1. Oi, querida!
      Mais um ano, no prazer da sua companhia virtual.
      Quem sabe, não nos conhecemos pessoalmente algum dia, né?
      Feliz 20123 pra família Tedeschi!
      Beijo!

  5. Umabraço de tigre tb para vc!!
    Que 2013 traga muita paz e felicidade para vc e sua família.
    Que realizações sejam uma constante em todo o novo ano .
    Um abraço !!
    Angela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *