Morar mais por menos

Sonho de consumo de todos nós, assim como: comer mais por menos, ou vestir mais por menos…
Pra quem é antenado, a notícia terá gosto requentado, mas o evento segue no Rio de Janeiro até dia 04 de novembro, portanto, boa opção de programa para o fim de semana prolongado: trata-se da mostra Morar Mais por Menos, que desafia arquitetos e designers de interiores a misturar soluções acessíveis e de baixo custo( muitas vezes, aplicando a máxima: “faça-você-mesmo”) a ítens de maior valor, na decoração.
Ambientes diversos, como este delicado quarto de bebê:

Base de cor neutra pontuada por tons pastéis, berço de MDF, galho decorado com luzes e nuvens tridimensionais de papel.
A cozinha de tijolos à vista ganhou descontração com a pintura de rua; cones de sinalização serviram de base para a mesa de vidro.

A mesa de bobina de madeira já nem é novidade, mas o que me deixou de queixo caído foi a parede forrada emoldurando a geladeira retrô azul-ambiente sóbrio e aconchegante:

Lona de cadeira de praia virou prateleira e o cano à mostra, apoio para cabides de roupas:

Caixas de plástico-mais espaço para organização neste quarto feminino, sem falar na graça do cabideiro de registros de água:

Todas as fotos são do blog da Ana Medeiros, A Casa que Minha Vó Queria.
Mais imagens, no site do GNT e Casa e Jardim.

Funcionamento da mostra: de 27 de setembro a 4 de novembro.
Horário: de 3ª a sábado, das 12h às 22h; domingo, das 12h às 21h.
Ingressos: R$ 20,00 de terça a sexta-feira e R$ 30,00 (sábados, domingos e feriados)
Local: Av. Epitácio Pessoa, 4.866 – Lagoa
Telefone para informações:              21-2512-2412      

You may also like

7 Comentários

  1. Essa combinação azul e café-com-leite está linda!
    Mas me apaixonei mesmo pela moldura com os quadros grandes,o cabideiro também é bem inusitado e acho que não são torneiras e sim registros!
    Só para registrar!!!
    rs
    bjs

  2. Desde a adolescência namoro essas bobinas de madeira, na época, ideia considerada uma heresia à qualquer casa de bom senso. rs Não é que agora encontrei um “fornecedor”! Numa daquelas banquinhas de beira de estrada onde compro verduras, lá estava uma bem bonitona. O agricultor ficou de falar com o cliente que consegue pra ele. Dei pulinhos! Mas que tom essa geladeira, hein? Pena que não temos a Mostra também por aqui. Beijo

  3. Que lindas as decorações… a geladeira retrô é um sonho de consumo, lá em São João del Rei tem uma oficina que restaura estas geladeiras…só o preço não é muito bonito. Beijos :*

  4. Oiii amei tudo principalmente o cabideiro de resgistro. Voce sabe me dizer se tem alguma tinta especifica para pintar as caixa de plastico.
    Parabens pelo seu trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *