Deu o que falar…

(Imagem, dAqui)
Enquanto preparo novo post, compartilho algumas das minhas últimas atualizações no Facebook:
“Ministro do trabalho declarou em entrevista, ontem, estar preocupado com essa onda de ‘denuncismo’( depois de Veja ter revelado que, assessores próximos a Lupi estariam envolvidos em mais um escândalo de corrupção).
Mas, afinal, o problema é o ‘denuncismo’ ou, ter o que denunciar?…”

09/11
“Alguém deveria lembrar ao senhor ministro do trabalho, que o cargo que ele ocupa não é vitalício e sim, comissionado!”

“Menino mais novo, ontem, após ouvir a declaração inflamada do ministro do trabalho
( até quando?…) à imprensa:
‘Mãe, a presidente precisaria criar um Ministério das Explicações, para facilitar a vida dos ministros’.”

13/11
Mudando de assunto, “Momento Caras”:

Li numa revista, sobre o jovem ‘ator’ Caio Castro, algo que me chamou a atenção: Ele ‘modestamente’ deu-se nota ‘9,0’ como amante, porque, nesse quesito, ‘sempre há o que melhorar’!…
Mal saiu das fraldas e, talvez isso explique a imatura declaração.
Numa época em que se ‘coisificam’ as pessoas, mulheres ‘frutificam’ como maçã, pera, melancia, morango( e pasmem, até beringela!), somos pressionados a virar ‘máquinas de sexo’, com avaliação de desempenho e direito a ‘recall’!
Nota ‘0’ para a modéstia dele, mas a ‘fina estampa’ ainda o salva: ‘7,0’, na média, está justo?…
E, como cantaria Cazuza:
Raspas e restos
Me interessam
Pequenas porções de ilusão
Mentiras sinceras me interessam…”



Voltando a falar de “assunto sério”:
(Silvio Berlusconi, mentor de bravatas do ministro Lupi e, que acaba de ser “abatido à bala” do cargo de 1° ministro.)

Agamenon é o Rafinha Bastos que sabe fazer graça.
Na seção ‘Figuraça da Semana’, jornal de hoje, sobre o ministro Lupi:
‘O BOPE está pensando em mandar os seus atiradores de elite para dar cabo do ministro Lupi do PDT, Partido Democrático Trambiqueiro, que disse que só ia sair à bala da sua ‘boca’, quer dizer, do seu ministério. O Ministério que dá Trabalho’.”

Se curtiu, então me curte lá!

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *