Refrescando a memória

Sabem para quem fiz esta torta de limão, no fim de semana?

Torta de limão

Para a visita importante que acabou de chegar de Belém, e afirma ser essa, a torta de limão mais gostosa que já provou na vida! 
Palavra de mãe (a minha)! E ela tem razão: é doce e azeda no ponto certo, além de perfumada (a torta)
São três camadas, de diferentes texturas: a primeira e mais fina, lembra um pão de ló de limão, a segunda, mais cremosa, um pudim e a última, uma casquinha crocante. É o tipo de receita que sempre rende elogios. E elogio de mãe, então, mais especial ainda!

Assim que ela chegou, programamos passar uma tarde na praia. Para a maioria isso é muito pouco, mas para os de casa, já é o bastante.
Antes, uma parada obrigatória no restaurante Ninho da Roxinha, em Nova Almeida. Minha última passagem por lá foi na companhia da Rosana e Jane, amigas do RS. A comida é bem simples, mas a casa e a vista que se tem de lá, imperdíveis:

Reflexos

Filho do meio pegou meus óculos e, enquanto aguardávamos nosso pedido chegar, aproveitamos para saborear a vista da varanda que circunda o restaurante: uma visão de 180° do mar, logo à frente.

Restaurante NInho da Roxinha

O restaurante era uma antiga casa de veraneio, projeto do famoso arquiteto Zanine Caldas.

Na ida ao banheiro fui “capturada” pelo antigo espelho:

Presa no espelho

Na verdade o que me prendeu foi a parede de fotos:

Parede de lembranças

A avó e o neto do meio, batendo um papinho sob um cajueiro:

Sob o cajueiro:

A igreja dos Reis Magos, no alto de um morro:

Igreja dos Reis Magos-Nova Almeida
Igreja dos Reis Magos-Nova Almeida

Dia de semana a praia fica do jeito que eu gosto: tranquila.

Praia Grande-ES

Na brincadeira das sombras, eu e o filho mais velho: 

Sombras

Imaginei sombras hollywoodianas no chão-com chapéu e saída de praia, minha imagem lembrou a figura máscula de Clint Eastwood, em “Era uma Vez no Oeste”:

Ou, a vaporosa e sedutora Marilyn Monroe, naquela antológica cena de “O Pecado Mora ao Lado”:

Sombra

Só assim, para alongar minhas pernas…
Falando nisso, encontrei 2 pranchas com pernas na praia:

Os "meninos-prancha"

E:”pernas, pra que te quero?”

Praia Grande

Da imensidão do mar no litoral para a limitação da piscininha de plástico no quintal da casa na serra: qualquer coleção de água é suficiente pra fazer a festa das crianças…

Diversão molhada

Como no roteiro que fiz com a Rosana, termino este post com uma prévia das imagens do Vale do Caravaggio, em Santa Teresa:

Vale do Caravaggio
Chapéu: AREZZO
Bata: Dress To
Bermuda: Dopping
Rasteira: Luíza Barcelos


E que a semana seja de muita frescura!…

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *