Pequenas mudanças

Nossa casa é como Rexona: “acompanha o nosso ritmo”; muda, junto com seus moradores. Mas, nada de extreme make over: geralmente são transformações sutis, assim como é o crescimento das crianças e a decadência dos adultos.
E quando achamos que não há mais o que tirar nem pôr, descobrimos que, sempre haverá o que tirar e pôr.
Hoje fiz algumas pequenas mudanças na sala( a maior delas seria a completa organização!):

Minha sala

Minha mãe aproveita a última semana de férias por aqui, cumprindo uma verdadeira  maratona na máquina de costura: calças de meninos e lençóis rasgados são reparados, além das criações, que vão de almofadas, toalha de mesa, bichinhos de tecido e, claro, alguma roupa para a filhinha exploradora.
Acontece que ela, diferente de mim “é gente que faz”: viu na capa de uma revista Viver Bem, algo que desejou reproduzir…
E foi justamente esta corujinha:
Contou-me a intenção num dia e, já na metade do outro tinha-a concluída:
Corujinhas
Ficou bem parecida, não?
Mas tenho certeza que arregalaram olho maior que o da coruja, para uma outra, ao lado:
Quadros e almofadas
Minha mãe passou muito tempo examinando cada detalhe desta criação da Ana Paula Cavalari e, chegou à seguinte conclusão: “perfeita”!
Aqui, uma reunião de família de zoiudas no meu sofá:
Corujices no meu sofá
Mais à E, a coruja psicodélica da Ana Sinhana, ao centro a glamourosa da Ana Paula e à D, a estilizada feita pela minha mãe.
O ursinho ficou até sem fôlego e preferiu evitar concorrência:
Urso no sofá
Ela também me fez mais almofadas, reaproveitando um quimono que eu não mais usava:

Almofadas de veludo

Esse belo tecido estampado em veludo não merecia ficar escondido no fundo de um armário, concordam?
Juntei com as outras almofadas que ela me fez, de estampa de matrioshkas:

Feitas pela mãe

Tanta corujice de mãe só poderia render mais presentinhos:

Corujinha

A pequena foi pendurada à entrada da casa:

Corujinha

Acrescentei outros quadrinhos:

Quadros e almofadas

A Ana Paula, muito gentil, enviou-me junto com a coruja umas ilustrações vintage
Aproveitei uns quadrinhos do mesmo estilo e enquadrei-as:

Quadrinho vintage
Quadrinho vintage

Achei que foram feitos, um para o outro.
A tinta da moldura deste foi intencionalmente envelhecida:

Quadrinho vintage

Há pouco a Vivianne Pontes deu a dica de um endereço para impressão de ilustrações: Vintage Printable. Ou, podem clicar na ilustração vintage da paca, na barra lateral D deste blog.

Enquanto fazia as fotos, menino do meio chegou da aula e se jogou no sofá:

Chegando da escola

(Reparem o tamanho da calça: no meio das “canelas”; nessa idade eles crescem muito rápido!)
Mudança também, no tamanho dos cabelos:

Jardineira

O corte lembra o mais recente, de Ana Paula Arósio:

Não fossem os olhos verdes, poderíamos até ser confundidas…(rs)
Tomara, meus cabelos cresçam tão rápido quanto pernas de menino!

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *