"Test drive"

Nerdy Baby

Hoje vi tanta coisa, mas rodo, rodo e me detenho, em: “crianças”. Sim, porque é tão mais fácil agradá-las, diferentemente dos adultos!
Por, exemplo: a ala masculina da família costuma ignorar o blog, da única mulher da casa( “porque isso deve ser coisa de mulher”: nem tentam justificar, mas é o que presumo). Abrem uma exceção quando revelo alguma novidade boa, ocorrida por aqui: escutam com atenção, assentem com a cabeça, chegando a pronunciar um “uhm-hum” entre os dentes, o máximo do entusiasmo que lhes é possível!
Mas, isso não chega a ser uma queixa. Que seja: “cada macaco no seu galho!”
Meu pequeno é quem me acompanha desde o princípio e, com frequência pede para ler os últimos posts. Geralmente o que ele mais gosta é quando mostro o gato, que adora.
É engraçado ouvi-lo gargalhar enquanto lê algo que escrevi pois, normalmente, sou uma pessoa séria e a mais sem graça possível, contando piada.
De certa forma isso passou a ser um termômetro de qualidade, pra mim: se o menino gostou, já fiquei satisfeita porque, no final das contas, se não nos divertirmos um pouco com o que fazemos, a vida não faz muito sentido.
Calvin&Haroldo/Apatossauros

E é em homenagem a essas crianças, opinadoras e transformadoras que mostro os quartos a seguir, um para menino e outro, para menina.

O primeiro é tão original nos detalhes, que me encantou:

gutterom 3b
Um colchão simples pode servir como cama acessória para uma eventual visita ou, como sofá, lembrando uma cama de pallets mostrada aqui e aqui.
O quadros em lousa, onde se desenhou a giz um avião bem diferente, ajudaram a compor o clima lúdico.
O instrumento de pedreiro, uma régua articulada, saltou à parede como um criativo porta recados.
E noutra parede, a descontração das fotos exibidas como se, numa galeria da fama, improvisada com pranchetas:
gutterom 11a
Simples e fofo, não?
gutterom 10
Já o quarto da menina mesclou diferentes tipos de papel de parede, preto no branco, com vários tons de rosa, do esmaecido ao vibrante pink:
Quarto de menina
“…sin perder la ternura jamás!”
Quarto de menina
Embaixo da cama, espaço aproveitado para guardar caixas com objetos.
Glamour sem peruagem, as lâmpadas em volta do espelho fazem lembrar camarim de artista:
Quarto de menina
Forelderemanuelen

Falando-se em criança, descobri um blog na Finlândia onde a mãe fotografa seu bebê, uma menina, em situações surrealmente fofas!
Só uma ideia:

Mas vale a pena conferir mais, por lá: Mila’s DayDreams

You may also like

14 Comentários

  1. La,

    amei as fotos dos quartos! E adoro o Calvin! E adoro seus posts com o gato! E adorei o blog dessa mãe! Que ideia incrível!

    Beijo, querida!

  2. Oi

    Da mesma forma que crianças são tão fáceis de agradar, também são super sinceras!

    Um bom teste de qualidade realmente rsrs

    Beijos

  3. Pura verdade, Elaine! Por isso, levo tão em conta a opinião dos filhos. (Só, quando criticam minhas roupas é que não ligo muito porque aí, é pura implicância deles, mesmo! rs)
    Abraço!

  4. Olá Laély,
    Eu simplesmente não vejo a hora de ter essa interatividade com o Arthur. Pois o "terrible two" tá difícil de passar amiga, o fase danada essa, parece ligado na tomada, ahahaha
    Mas fico feliz de aproveitar cada fase, as extressantes e as calmas que provavelmente virão.
    Adoro ver quartos de criança com personalidade, móveis reaproveitados, quadros e fotos inusitadas, etc.
    Bjs e uma ótima sexta-feira pra vc.

  5. Adorei as fotos na prancheta!
    Bom, aqui em casa a recepção ao blog é menos calorosa ainda, se servir de consolo… mamãe nao entende por que raios passo tanto tempo no pc… mas qd adolescente ela tb nao entendia pq eu pasava tanto tempo na frente da tv, e antes ainda pq eu brincava tanto. .aiai
    adorei o seu termometro, tomara q o meu filhote tenha idde logo de servir de termometro pra mim tb!
    Bjs

  6. La, tenho certeza de que passar pelo crivo do pequeno é algo compensador. Por outro lado, seu blog não precisa de testes de qualidade. É altamente recomendado, testado e aprovado pelo bom gosto (e bom senso) dos seus leitores fiéis (e, se me permite, me coloco entre eles).
    Bj,
    Ana

  7. Laély, adoro as imagens de ambientes que vc posta porque são todos originais e inusitados. Também gosto de alguns quartos clássicos, mas às vezes me canso de ver sempre a mesma coisa. Por esse e outros motivos, gosto tanto de vir aqui! Sei que vou encontrar algo diferente, autêntico e que vai me surpreender! Grande beijo!

  8. Grande "obrigada" à vocês, meninas, pois não é um orgulho bobo, esse: a assistência de ótimo nível que tenho por aqui, não só de "gente que faz", que bloga com étca, respeito e bom-gosto, mas também, com elegância e simpatia ao expressar suas opiniões!

    Elza, como disse( se, não me engano…) a Berê, outro dia, "filho é igual video game: a etapa seguinte é sempre mais difícil" mas todas, adoráveis! rs
    E que venham as próximas! rs

    Manu, não se afobe que logo, logo, você vai ver como ele opinará!
    Mãe é assim mesmo, como escreveu, e nós que nos cuidemos, pra não ficarmos desatualizadas!

    Ana, sabe que esse "obrigada" especial é de coração…
    Um beijo!

  9. La,

    Eu tenho 2 filhotas, uma com 4 anos e a outra com 3 semanas. A mais velha já opina bastante e é muito vaidosa… quando eu visto qualquer coisa diferente, ou quando vou ao cabeleireiro, por muito pequena que seja a mudança, ela nota logo e dá a sua opinião.

    As crianças são verdadeiras, ao contrário dos adultos, que muitas vezes têm segundas intenções no que dizem.

    Adorei os quartos que mostraste… <muito coloridos, mas ao mesmo tempo sóbrios e com muito bom gosto.

    Em relação ao teu blog, só posso dizer que o descobri há coisa de uma semana e de lá para cá, não tenho feito mais nada senão ler todos os teus posts, desde o primeiro dia…. Mais palavras para quê, né?!! Adoro, Adoro, Adoro!! É muito viciante!!

    Beijo

  10. Bom dia querida! Após longos dias de sumiço, resolvi deixar um recadinho! Mas, lembre-se que nunca te abandonei viu… leio sempre seu blog!! Adoro também! Nada melhor do que a opiniao do pequeno garoto nao é? Sinceridade pura! Amei os quartos tambem. Estou precisando de ideias para o quarto de uma menina de 5 aninhos que está morando comigo. Minha afilhada foi "adotada" por nós! rs! Vou fuçar na net e no seu blog atrás de mais dicas! Aceito sugestoes!rs… pena que, as vezes, o dinheiro é pouco para tantas invencionices, nao é….rs… mas com criatividade dá pra fazer muita coisa com economia… tomara que fique fofo, assim como ela, a Aninha!! rs…
    Bjs pra vc! Bom fim de semana!!
    Myrian

  11. Ô, Cláudia, eu fico realmente emocionada ao ler um depoimento como o seu, porque isso, assim como comprovar que meu filho de 10 anos gosta de conhecer o "lado B" da mãe, é que enche de significados, isto que faço! Obrigada.
    Quanto às suas meninas, acho que elas devem ser mais atentas a essas particularidades, que às vezes escapam aos olhos masculinos mesmo que, mirins.
    Deve ser uma outra experiência interessante esta, que não tive o privilégio de ter, mas não tenho do que me queixar da plateia masculina, lá de casa.
    Abraço e, se puder, deixe um endereço de e-mail que me facilite a resposta mais direcionada.

  12. Laély,acho que quando escrevemos deixamos para fora um outro lado que temos.Se temos um lado melhor ainda,ou diferente mais igualmente interessante isso aflora.Creio que seja o que acontece com você.
    E para seu filho deve ser igualmente interessante descobrir esse lado,da mesma maneira que nós leitoras achamos.
    Bom quando além de nós mesmos,ainda temos algo escondido melhor ainda, para mostrar.
    E é sempre prazeroso ler o que você escreve,minha caixa de sensações é sempre remexida,hoje;os filhos,ser mãe,o quarto,a beleza,o design,nossa quanta coisa!!!
    Mas sempre saio com um sorriso no canto dos lábios.
    Bj e bom fim de semana

  13. Enviei-te uma mensagem para o teu email.

    Sempre ouvi dizer que as mães são sempre mais mimadas pelos filhos homens!! Eu não posso opinar sobre isso, porque não tenho filhos e nem tenho irmãos, só irmãs e logo duas, que também tiveram filhas… É uma família de mulheres!!! :=)

    Mas, claro, há sempre pequenos pormenores que escapam aos olhos masculinos, apesar do que eu acho que eles até são bastante observadores, só que não se perdem com coisas que acham que não têm muito significado.

    Beijo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *