Loft infantil

Um beliche “tabajara”: seus problemas com espaço acabaram!
Projeto deste escritório trava-língua:

Københavns Møbelsnedkeri
Um doce, pra quem souber pronunciar o nome…
Visto no Minor Details

A Cláudia fez uma versão nacional, parecida:

Com marcenaria feita pelo próprio marido!
Lá, no:
Se fosse na minha casa

You may also like

11 Comentários

  1. A Claúdia é chique demais né, com um marido talentoso e um filho fofo desses !!!!
    Adoro a idéi de um quarto de criança assim, penso em faer o do meu pimpolho do mesmo jeito. Só temo um pouco pela altura, mas ele nem vai liga pra isso.
    Já vi uma ideia com guarda corpo feito com aquelas redes de proteção, adorei e provavelmente vou fazer assim.
    Bjs

  2. Adoro esses mezaninos fake!!! queria um desses prá mim em casa, mas meu marido diz que teria claustrofobia ahahaha lindo o post! bjs

  3. Ai, que coisa mais chique! Quase tive um troço vendo o quarto do filhote aqui no blog. Vou falar por marido que ele anda fazendo sucesso na internet, viu?

    Obrigada, querida! Beijos

  4. Adorei menina!! Tô sabendo que você tá em Sampa!! Beijões a todas as queridocas que te acompanham…
    Mostra as compritchas depois, hein?? tchau!

  5. Oi, Lá!
    O beliche de cima é uma loucura! Vai que um amiguinho da criança, desavisado, resolve: vou pular na sua cama! E pafff!!! De cara na parede!!!
    Agora, o projeto da Cláudia tá super demais!! Que trabalho perfeito de marcenaria!!!
    Beijins!

  6. Sou louca para fazer algo parecido no quarto o filhote, mas marido não é assim tããão prendado. Mais do que bonito e funcional, tem que ser seguro, né? Beijos.

  7. Claudinha, viu que todo muito gostou da ideia brasileira, né?

    Andrea, eu acho isso meio obsessão de mãe: desde que a criança seja maior de 5 anos, não vejo problema.

    Silvana, você merece um doce, mas virtual, tanto quanto a sua pronúncia. rsrs

    Tati, um bom marceneiro daria conta de fazer um belo projeto, a partir dessas ideias. Mostre pra um.

    Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *