Café com Cebola (Capítulo VI)

A história desse encontro real, de amigas virtuais, que começou a ser contada aqui, com desdobramentos ali, termina hoje com um café da manhã na casa do nosso vizinho, tio Mc*: *O apartamento em Vitória, fica ao lado de uma lanchonete 24h.
(O pãozinho de queijo deles é muito bom, mas o pão na chapa tem “delicioso” sabor descongelado-no-microondas e o capuccino, só dá pra sentir o chocolate)
Optamos por um lanche fácil, pois nosso último passeio também ficava ali, bem pertinho, logo onde começa a cidade…
Numa área antes degradada, agora funciona um parque aberto ao público, com extensa área verde e de nome curioso:
Pedra da Cebola Ligando o nome à “pessoa”, acho que é possível entender o porquê…
Além de mini-fazendinha, pista de corrida, parquinho infantil, área para piqueniques, aqui já tive o privilégio de ouvir várias vezes a
OSB( Orquestra Sinfônica Brasileira), nas suas passagens pelo estado: um deleite para os olhos e ouvidos…
Parece até que foi esculpida, e elevada a este topo por um guindaste. Tudo balela. A verdade, mesmo: é obra da natureza.

Ops! Encontrei um conterrâneo de Santa Teresa, mundialmente famoso!…
Augusto Ruschi foi biólogo respeitado, teresense de verdade, e não adotivo como eu, e um dos precursores da Ecologia no Brasil.
Ele estudava beija-flores, mas estes penosos aqui, também merecem respeito:
Cuidado para não perturbá-los, em sua refeição matinal pelo parque…
No calor daquela manhã, deu até vontade de se refrescar neste chafariz, privilégio apenas dos moradores do parque…Mas qualquer sombra, ajuda… E foi assim que, pouco depois, minhas amigas se despediram, do estado e desta, que lhes conta esta história em capítulos arrastados, talvez para esticar o prazer da companhia gaúcha.

A gente não conhece a história, por trás dos bastidores de um conto de fadas, não é?
Ninguém sabe o que aconteceu à Cinderela, depois do: “e foram felizes para sempre”…
Talvez, tivesse que lavar as roupas da rainha, sua sogra, ainda que, “feliz para sempre” por tal “privilégio e honra”…

Mas a história das personagens deste conto, não com um final feliz, mas de início feliz, continua por aqui, por acolá, onde podem acompanhar nossas outras aventuras, virtuais e reais…
Pois um avião pode ter levado a presença…
…Mas deixou por aqui boas lembranças, em mim e na minha família. Espero o mesmo para elas, também.
Porque amizade se constrói assim, aos poucos, feito casa

Um bom dia!
Um bom domingo!
Uma boa semana!

You may also like

18 Comentários

  1. Oi, La ! Eu, que conheci marido pela net, nos primórdios, sempre sinto um quentinho por dentro quando vejo uma amizade virtual transbordar pro real. Na verdade, acho que virtual é uma palavra mal empregada, porque amizade é coisa que se forma independente de presença física, com certeza ! Muito legal !

    bjobjo

  2. Pelo menos virtualmente voçê me proporcionol um passeio maravilhoso….com as amigas ainda melhor…porque sera que não consigo mais fazer estes passeios….agora e sempre tudo tão corrido,cheio de horários…
    Lindo o seu passeio.E bom ter amigas assim.
    Bom final semana
    Deusa
    vasinhos coloridos
    (Voçê parece ser uma pessoa muito cativante,eu vejo pelas amigas que tem).

  3. Ai, La, eu AMO o parque da pedra da cebola. É um lugar LINDO… cheio de animais… a gente adorava passear por lá quando a Helô era pequenininha e a gente morou em Vix. Aquele pavão é tudo de bom!

  4. Oi Laély,
    que delícia poder conhecer lugares incríveis como estes que você gentilmente tem nos apresentado. E delícia maior deve ser tornar de verdade, amigas virtuais. Você tem razão, amizade a gente vai construindo aos pouquinhos, como a gente vai fazendo por aqui nos blogs. Adorei essas histórias!Obrigada por dividí-la com a gente!
    Beijos,
    Cris João.

  5. Oi Laély,
    Amei seu blog! eu também tenho tres filhos e um cachorro dálmata chamado Bingo.
    Convido você a visitar meu bloguinho Livro & Arte. Ficarei feliz com sua acolhida. Vou seguir seu blog desde já.
    Beijos. sucessos.
    Almira

  6. Ô minha amiga querida, acho que o alicerce dessa casa, que teve a sua pedra fundamental colocada aqui, no meu primeiro comentário em blogs seguido da tua resposta tão receptiva, ganhou paredes firmes na nossa supersemana de convívio leve e alegre. Quando imaginaríamos isso tudo, não é? Um prêmio lindo por sermos construtoras dedicadas e corajosas, o que me enche de orgulho da nossa obra. Uma outra semana especial pra ti, como com certeza será! Beijos do sul

  7. Alo,Laely!
    Este teu post e um brinde a amizade! Uma homenagem a todas as pessoas que ainda acreditam no lado bom da nossa humanidade!
    Diante das pressoes da nossa vida cotidiana e das dificuldades de relacionamento dos seres "homo modernus ", se torna muitas vezes,um desafio o cultivo da amizade…Mas,Gracas a Deus,que existem ainda muita gente boa que sabe o valor de um verdadeiro amigo…
    Sempre me emociono, quando vejo uma amizade que vai brotando aos poucos e acaba florescendo em buques perfumados!
    E o passeio pelo Parque, se torna apenas um comeco para uma nova aventura…Um novo compartilhar de emocoes!
    Parabens pras duas…
    O passeio estava muito lindo,mas com certeza,voces brilham juntas!
    E como diz aquela velha musica do Milton Nascimento…"Amigo e coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito,dentro do coracao…"
    Linda a musica da Simone e da Zelia!Emocionante como a estoria de voces…
    Meu grande abraco carinhoso pras duas amigas!
    Teresa

  8. Foi demais participar nem que por um pouquinho deste super passeio, fico emocionada e feliz por vocês, desperta na gente uma sensação de esperança, no meio de tanto caos, ainda existe amizade, quando as pessoas querem muito que isso aconteça, não há distância que resista, talvez não seja naquela hora marcada, talvez num outro que pega a gente deprevinida, mas receptiva…Bom demais! Um bom dia e boa semana!! Bjinho!

  9. Drica, que história bacana esta sua: de amor virtual, que se materializou, inclusive em filhos, né?…rsrs
    Parece aquele filme "Mensagem para Você".

    Deusa, eu sou uma pessoa reservada; na verdade, de poucos amigos, mas procuro mantê-los e dar espaço àqueles outros, também especiais.

    Helena, é um lugar bem tranquilo pra se levar criança, por certo.

    Simone, boa companhia, sempre faz de qualquer lugar, um lugar especial.

    Cris João, você é sempre tão receptiva e gentil comigo! Obrigada, querida!

    Rosângela, que bom que gostou. Também gostei do seu blog de origami.

    Almira, que coincidências, não é? já fui lhe visitar.

    Rosana, é verdade. Fiquei até com uma pontinha de tristeza, ao ver que tinha acabado, mas não a amizade.
    Vamos ver se vai haver um segundo "encontro, a revanche"! rsrs

    Teresa, e você é a nossa poetisa, que não nos priva das suas emoções.
    Privilegiada sou eu, de ter pessoas especiais como vocês por aqui.

    Cris, queridinha, um grande beijo pra você.
    Como já escrevi, dividir com vocês esses momentos, foi revivê-los, em cada detalhe.

    Uma feliz semana pra vocês!

  10. Lá, o "encontro revanche" já povoa meus sonhos em roteiros pelo nosso Sul… Viste quantas promoções de voo apareceram pra aquecer as vendas depois das férias?

  11. Ôpa, Rosângela!
    Obrigada pela dica. Vou dar uma olhadinha.

    Rosana, vamos planejar sim. Darei uma olhadinha, qual seria a melhor época( financeiramente, inclusive e principalemnte…rsrs)

  12. Oi, estou há dias para postar um comentário no teu blog. Está tão legal, e pensar que participei desta semana em solo capixaba. Acompanhei as postagens dos dois blogs e, nossa, revivi, senti e me emocionei com tantos momentos legais. Um abraço carinhosão e uma ótima semana. Já li a postagem da recepção à sua mãe. Nossa, és uma anfitriã e uma escritora e tanto.

  13. Laura, na verdade, acabo me dividindo entre 2: Santa Teresa, onde moro e Vitoria, onde fica meu filho mais velho. Ambas têm o seu charme peculiar.

    Jane, obrigada pelo comentário carinhoso.
    Para mim, foi um prazer reviver esses bons momentos, dividindo-os com vocês.
    Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *