Azulejos com assinatura

Dizem que no Brasil, o ano começa só depois do carnaval, mas não aqui, nesta salada. Depois de viajar, saracotear, comer sem parar, festejar, chegou a hora de: trabalhar.

A Casa Claúdia deste mês, dentre tantas matérias interessantes, traz algumas boas ideias para quem planeja pequenas reformas. E, falou em reforma, falou em planejamento, pra não quebrar a casa e a cara, à toa.

Cozinha que estampa, muito bem, a capa da edição deste mês: Destaque para o colorido patchwork de azulejos, da ceramista Flávia Del Prá, sobre a bancada da pia.

A novidade na ideia, foi a aplicação dos azulejos sobre uma placa de metal, possibilitando a retirada do painel por inteiro, caso haja mudança de residência.

A Márcia Sukva, leitora do Studio da Lú, encarou uma reforma na sua cozinha, deixando-a mais simpática, ainda! ( Clica aí, no link, pra conferir como a parede das duas cozinhas ficaram bem semelhantes!)

A própria Lú, também tomou coragem e reformou toda a cozinha, acrescentando um painel de ladrilhos. O que já era um mimo, ganhou um arzinho romântico-vintage. Confira, aqui .

Voltando à matéria da revista, achei interessante a forma como os ladrilhos foram aplicados no chão desta cozinha, como num tapete:

O sumário da Casa Cláudia, pode ser conferido, aqui . Mas o melhor mesmo, é “ver com as próprias mãos”, portanto, corra às bancas para adquirir a sua!

O trabalho da ceramista Flávia Del Prá é uma lindeza! Mas, outra opção para fazer composição semelhante, são os azulejos antigos. Geralmente, nas grandes cidades há cemitérios desses azulejos que, apesar do nome assustador, são o lugar mais apropriado para quem procura variedade, neste assunto.

Ainda sobre cerâmica de grife, a empresa Jatobá, contratou 2 nomes de peso para assinar suas coleções exclusivas:

O arquiteto Marcelo Rosenbaum, que se inspirou na geometria da natureza…

E a estilista Adriana Barra.

Aqui, uma foto para divulgação na mídia: A modelo, usando um vestido Adriana Barra, sobre uma parede, assinada pela mesma estilista.

Detalhe da cerâmica, no site da Jatobá:
Para quem prefere mais colorido, outra estampa:
Pra quem pode…

Eu, por enquanto, só posso admirar…

You may also like

14 Comentários

  1. Alo,Laely!
    Achei essa ideia de "patchwork" de azulejos um luxo so!Muito legal mesmo…Eu mesma ja estive vendo uns trabalhos sobre este tema no site da Casa e Jardim ha algum tempo atras…Acredito que eu teria "coragem" de tentar um tipo desta composicao colorida em algum nicho da minha casa…So nao sei se o meu marido iria topar esta ideia(as vezes,ele e meio tradicional em certos assuntos de decoracao…principalmente em termos de cozinha)…O negocio e que ele e maluquinho de vontade de ter um espaco Gourmet ( ja disse que ele adora cozinhar umas coisinhas diferentes?)e faz questao de opinar sobre estes assuntos…
    De qualquer jeito,gostei muito desta ideia tao colorida…Fico pensando de como ficaria se eu combinasse uns azulejos diferentes,mas ao mesmo tempo tematicos…"Tipo" azulejos com tema de mar,imagine…Peixes,conchas,estrelas do mar,barquinhos…Poderia coloca-los todos juntinhos,como um lindo painel numa parede da cozinha ou do banheiro…Pra mim e puro sonho e inspiracao…
    Uma linda semana pra voces
    e um carinhoso abraco carioca,
    Teresa

  2. Oi minha querida amiga, como foi de festanças de fim de ano?

    Quero desejar a vc um 2010 especialmente brilhante, repleto de coisas maravilhosas, muita paz, saúde, amor e prosperidade e que Deus te abençoe a cada novo dia desse novo ano que se inicia!

    Beijoca bem grandona =/

  3. OI Laèly adorei essa materia,acho muito lindo patchwork de azulejo,fica um colorido especial na czinha,aquele no chão ficou demais
    felicidades para vc neste ano de 2010.
    bjocas

  4. Eu quero, eu quero…fazer um 'patchwork' no chuveirão da casa da praia parecido com esse daqui: http://simoretti.blogspot.com/2009/10/ducha.html mas vou dar uma ida aos cemitérios de azulejos mesmo porque os ladrilhos hidráulicos estão pela hora da morte…hehehehe (trocadilho infame). Ah e quanto a dividir-me entre esses dois universos tão diferentes as vezes sinto um pouco de taquicardia (especialmente em dias como ontem em que meus pintinhos estavam voando)…o que a médica de plantão me diz??? Beijocas menina.

  5. he, he, he, Taia!…Gostei do trocadilho!
    Não fiz exames, apenas, indução clínica: o seu coração deve estar ótimo! rsrs
    Quanto aos azulejos, num chuveirão no quintal…nossa! Isto é que seria luxo, hein?
    Abraço!

    Rossy, eu já tinha visto muitas combinações na parede, mas o tapete de azulejos me surpreendeu! Gostei muito!

    Oi, Fernanda! Não sou muito de festa, não. No máximo, um jantar em família.
    Obrigada pelos bons desejos. Que voltem, como um bumerangue, pra você também!

    Oi, Dricca!
    Você, que pretende reformar, está fazendo certo: precisa pesquisar, mesmo! Boa sorte!

    Teresa, um espaço gourmet, é sonho de consumo de qualquer um que goste de cozinhar.
    Acho que, se pretende fazer algo parecido, quanto mais misturados forem os azulejos ou ladrilhos, mais bonito fica! Não é algo, tão excêntrico assim, que seu marido não tope fazer. No banheiro é uma boa ideia, ou talvez: se não querem arriscar mexer na parede, um painel, como se fosse um quadro, para pendurar onde acharem melhor.
    Dá uma olhadinha nessa revista, pois há mais dicas por lá. Está bem bonita.
    Abraço capixaba!

  6. Ai que bom que a médica acha que está tudo bem com o meu coração partido…hehehe. Já me acabei em uma garrafa de café hoje, pois estou esperando dar 8 horas na BA para telefonar para eles. Também acho um luxo os azulejos no chuveirão do quintal, sonhos…sonhos…Beijocas!

  7. Nossa, essa edição veio bem recheada de coisas lindas! Eu amo azulejos diferenciados, e idéia do tapete foi genial pq além de lindo e original e não sai do lugar!
    Vou correndo comprar a revista!bjs

  8. Menina essa idéia de "patchwork" de azulejos é o máximo. Eu adoro ajulezos antigos, pisos hidráulicos desenhados, jogo de dama no piso…
    Precisaria ter mais tres casas para realizar cada desejo, mas apenas em sonhos…
    Vim desejar um ano de muita paz e inspiração.
    bjus

  9. Hummmm..achei muito boa a idéia do painel de ajulejos móvel! Ideal para pessoas que, assim como eu, adoram trocar as coisas de lugar (sempre!!…rsss).
    Não sei se sabe mas no bairro de Jucutuquara, aqui em Vitória, existe um cemitério de ajulejos, fica quase em frente ao clube Anchietinha e é bastante procurado. De repente você pode achar coisas interessantes por lá, se estiver pensando am algo do tipo.
    Bjs!

  10. Oi, Silvana! Na correria, às vezes também fico sem abrir minha revista.

    Nanci, um luxo, este tapete!

    Santinha, tudo a ver com o seu estilo! ( Com o meu, também!)

    Nárriman, eu já ouvi falar, mas não faço ideia de onde fica! Sabe o endereço de lá?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *