Bandeirolas na decoração

O São João já passou faz tempo, mas não o encanto pela ideia do patch de estampas e cores!
Preciso muito disto!
Redondinhas e graciosas:
Armário feminino:

Nesta cozinha, outrora sisuda, a guirlanda deu um arzinho de descontração:
A cama rústica ficou delicada com a cor na parede, a colcha colorida e a cabeceira de bandeirolas:
Nem tudo branco:
Ô marinheiro, marinheiro…”
Outra cabeceira, simples e diferente:
Reparem nos pendentes ao lado da cama e nas mãozinhas francesas, segurando
a guirlanda.
Primeira imagem: ohdeedoh
As demais: Designe is Mine

You may also like

34 Comentários

  1. amiga tem tempo que fico namorando as bandeirolas, mas olho a minha janela e penso na poeira que da aqui em casa e desisto do meu são joão,rsrs.
    acho lindo e combina muito com você.
    tudo fofis.
    te adoro
    beijos

  2. qe tudo aquele quarto todo meio rustico, colorido..A M E I!
    O tom de azul da parede, lindo demais, ja contei que de tão fã q estou dessa cor pintei uma parede do meu ateliê?
    Acho linda, leve, harmoniosa, alegre, estimulante
    e essa pequena cortina de bandeiras coloridas alegrou e deu um toque mais especial ainda..ammeii ! queria fazer no meu quarto, rs..

    beijos beijos

  3. Que lindas Laély, tu também é uma caçadora, tem o dedo certeiro.
    Sabe que na holanda se usa essas bandeirolas em aniversarios,eles enfeitam a casa toda na semana do aniversario a primeira vez que fui em um,achei que fosse festa junina.
    bj

  4. Vivian, é cara de quarto de menina, mas eu tô querendo fazer uma guirlanda pra minha cozinha, ou pra colocar em cima de um espelho, ou na cabeceira da cama…Ah, tem de conter, se não a casa fica com jeito de quermesse, né? rsrs

    Ah, Silvana…acho que só precisa escolher bem o local. Mas eu sou supeita, porque eu amo tecido e colorido na decoração!

    Cynthia, a minha cama tá meio sem graça e tô pensando seriamente fazer algo parecido!

    Filhos, são o nosso freio em muitas coisas, Andrea! Acelerador em outras…rsrs

    Helena, essas "estrelas" são tão lindas! Nunca fiz nada parecido!

    Elisa, eu sou fascinada cm as estampas dos tecidos japoneses! Cada um, mais delicado que o outro! Se fosse você, já teria feito um grande estoque!

    Eliene, acho que num cantinho, ficaria alegre, não?

    Concordo, Nanda!

    Dorinha, nem lhe reconheci! Tá tão moderninha nessa foto, parecendo de cabelo curto!
    Quero ver isso que fez!

    Fabiano, e não é que eu não havia reparado nesse reaproveitamento?!

    Ai, que bonitinho, Susi! Acho que apenas aqui no Brasil, a gente ainda faz essa associação temática, por causa do São João, mas há tantas aplicações, nã é?!

  5. Oi, vim responder a sua pergunta sobre meu espelho. Sim, a moldura é de gesso e usei tinta spray de esmalte sintético .Se me acham excêntrica demais aqui em casa? Pode até ser … mas eles nem se arriscam a falar kkkkkk. Tenho carta branca por aqui. Ainda bem né?!E qto a parede cinza vc acertou!!! A tinta já estava até comprada… não vejo a hora de pintar logo.
    Lindas imagens, mas acho que não vou arriscar aqui, vai que me dão cartão vermelho!!!!!
    Bjo bjo
    Gi

  6. Ai, eu não teno carta branca em casa, não, mas costum ser de opinião!
    Giovana, estamos em sintonia em relação às cores, não é?
    Tenho dificuldade em encontrar por aqui, essas cores diferentes em spray.
    Abraço!

  7. Oi, mmmmmm…adorei as cores das paredes e o armário branco, as bandeirolas deu aquele toque de cor, hein? A tinta que usei na minha febre vermelha foi esmalte sintético ultra brilho aplicado com rolinho de esponja para uma cor mais uniforme…legal você ter passado por lá… apareça sempre…bjo

  8. Conheci hoje e adorei o blog. A forma que você fala dos filhos é muito bonita.

    Só fiquei com uma dúvida: Você dorme? Como consegue fazer tudo isso, e com tanto carinho!

    Já adicionei seu blog na minha lista de prediletos pra não esquecer de passar sempre pra uma visitinha.

    bjusss :)

  9. Puxa, que puxa, Cris! Com um rolinho micro? Quanto trabalho! Mas vou anotar a dica, obrigada!

    Susy, eu tenho de rir pra não chorar:rsrs!
    Eu durmo,sim, e fico doente quando passo muitos dias seguidos dormindo mal e pouco. Mas não costuma ser mais que 6h por noite, não. Às vezes, eu até me forço a deitar um pouquinho de dia, quando dá, mas aí, fico pensando no monte de coisas que preciso fazer e o sono não rola…rsrs
    Obrigada pelo carinho e que possa se sentir em casa.
    Abraço!

  10. Adorei esse post. Minha sobrinha fará um ano em junho que vem e já decidimos que será uma grande festa junina… antecipada eu né? risos…
    Na verdade eu sou uma tia babona e adoro pensar nas coisinhas dela.
    Já mostrei as fotos para a minha irmã e começaremos a fazer as bandeirinhas. Aí que delícia!!

    Outra coisinha: tem novidade na minha Loja Ilustrada. Passe por lá e diga o que acha… Se gostar e puder me ajude a divulgar.

    Beijo,
    Nádia

  11. Oi, Nádia!
    Se depender de preparo, essa festa será linda!
    Já vi outras fotos, usando bandeirolas na decoração de festas infantis, independente da época do ano.
    Sucesso na empreitada!

  12. Háháhá!!! Entendi, você estava falanda da gaveta de tipo…nas laterais rolinho, mas nas partes internas pincelzinho e pa-ci-ên-cia
    de monge e elefante juntos, pois precisa de umas 3 a 4 demãos para ficar perfeito…Ai, fico imaginando o tamanho do rolinho…rsrsrsr…

  13. mamãe tb comprou umas pro meu aniversário, mas não posso contar como são. acredite, são bem diferente

    dessa vez, eu convenci a mamãe a me dar o piano, quanto que vc vai querer?

  14. Que é que cor e criatividade não fazem, né? 😉


    Ah, Laély. É verdade. Mulher é expert em se autoboicotar, e fica o tempo todo prestando atenção nos pontos fracos. A gente precisa aprender, de uma vez por todas, a valorizar o que temos de melhor.

  15. Olha, olhando assim, num conjunto todo com o resto da casa acho um charme, mas acho também que precisa ter muita personalidade (de pessoa e de casa) pra conjungar uma decoração dessa com segurança. Beijão

  16. Rapha, agora sou eu que não sei se o Vinícius vai querer se desfazer do pianinho porque ele quebra o galho, quando o outro não está. Vou consultar os universitários lá de casa, tá?

    Lidi, sempre dá pra melhorar e destacar alguma coisa, né?

    Carol, eu não teria problema com isso. Talvez, só com os homens lá de casa…

  17. Oi Laély!!
    Tudo bem?
    Você me perguntou das Matrioskas, elas foram compradas na Polônia. Adoro essas bonecas!! Viu minha coleção na lateral do blog? A última de roupinha azul marinho é chinesa, representa um povo da China, só que essa comprei aqui no Brasil mesmo.
    Suas Matrioskas são lindonas!!!

    Beijossss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *