Organizando o armário…

( E as ideias…)
Confesso que às vezes me sinto uma criatura híbrida, por isso, meio fora de contexto; um ser, resultado de mutação genética, criatura mítica, como o minotauro, a medusa, ou uma sereia…nem uma coisa, nem outra…
Por mais que me esforce, não consigo dar conta do recado!
Tenho alma de mulher prendada: “mulher Tupperware”.
( Tipo, década de 50!)
Mas vivo, num tempo diferente: de “mulher maravilha”, ou She-ra!
(Uhm… isso é tão década de 80!)
“Eu tenho a forçaa!”

( Mas, será mesmo?!)
Dar conta de mil coisas, ao mesmo tempo, exige organização, por isso, tenho feito a mesma oração, todos os dias:
“Senhor, ajudai-me a ser mais organizada!”
Mas, não dá pra deixar nas mãos dEle e não fazer a parte que nos toca, pois Jesus ressuscitou morto, mas não arrumou a cozinha de ninguém!
Há mais de ano, mandei fazer um outro guarda-roupa para o quarto de casal, argumentando que não tinha espaço para me organizar( aprenderam, né?). Fiz a mudança grosseira e, do mesmo jeito, lá ficou.
Perigando, abrir o armário e encontrar o gatinho, perdido há meses lá dentro!
“Acho que vi um gatinho…”
Antes um gatinho que um ratinho, não é?! (Ainda não cheguei a estágio tão deplorável!)
Ou, quem sabe? deveria abandonar o projeto de um futuro-incerto-armário-arrumadinho, para um: presente-garantido-novo- local de brincadeiras-de pequenos”?!
“Andar com fé eu vou, que a fé não costuma falhar…”
Ainda, hei de colocar em prática, todos aqueles projetos mirabolantes de arrumação, deixar a casa um brinco, impecavelmente organizada, cada coisa no seu devido lugar, como num…quartel(?!).
As roupas, organizadas por tons e sobretons, estações, comprimentos, ocasiões, tecidos, estampas…
Separadas, por modelos de meus costureiros favoritos: Cristian( o Dior!), Chanel, Marc Jacobs, Calvin Klein…
Aí, eu acordei do meu sonho cor de rosa!
Será, que ainda há jeito de ser uma “boa menina”?
Vamos tentar, vamos tentar…
(Uma vozinha do bem, fala ao meu ouvido):
Comece, por arrumar os sapatos no seu devido lugar e não, pedindo “ajuda aos universitários”, ou a Indiana Jones, para localizar a banda perdida daquele par, que encasquetou de usar naquele dia.
Ganchos, sempre ajudam. Se não tiver: invente, tente, faça algo diferente…
A Nani deu uma diquinha para visitar a casa da Marianna: Uma Casa Organizada
E não é que a moça é organizada, mesmo?! Prendada, sim! Gosta de fazer umas transformaçõezinhas básicas, como estas, que fez no guarda-roupa, com contact estampado:

Ah…( suspiro) Isso falou fundo, ao meu lado “mulher Tupperware”…

Continuando, nossa aulinha básica: “Seja uma Pessoa Mais Cool, Mais Fashion, Mais Organizada, em Uma Aula!”
“Seus problemas acabaram!” ( Eu agarântio!)
Só pra lhe abrirem os olhos, outra diquinha básica:
“Façam o que digo, mas não façam o que eu faço!”
Se de tudo, não conseguirem se organizar, como eu, só com essa aulinha, outra dica:
Se o armário for antigo, estiver meio caidinho, ou, as portas forem transparentes, evidenciando toda a inepta inaptidão e incompetência organizacional de vocês( não, eu!), sugiro uma saída, pela direita:
Em caso de emergência( tipo: visita de última hora), joquem toda a bagunça para o fundo do armário e: cubram com um bonito papel de presente, contact, ou tecido!
Pode ser uma aplicação, como esta:
Ou, como esta:
Uma cortininha fofa: aí, é covardia!
A “mulher Tupperware” que há em cada um( inclusive, nos homens) agradece e ainda, poderão receber elogios, por tamanho capricho!
Querem mais um capricho?!
Nem precisava, depois da aula desta expert(?!), mas, um frufruzinho a mais, nunca é demais, se for carinho para a casa.
Uma roupinha de cabide:
Para quem costura, tem passo-a-passo bem facinho, clicando na figura.
Para quem não tem o que esconder, meus parabéns, e uma ideia bem baratinha para organizar as roupas:
Reciclando o encanamento perdido. Link, também na figura.
Falando em gente organizada, hoje, a Mara Porto faz aniversário.
Quando crescer, quero ser igual a ela( eu prometo!).
Mas, nem tudo está perdido: a “super Silmara”, do Fio da Meada, veio para socorrer e, com palavras afiadas, promover o bem estar desta, que vive se torturando, por não ser tão…certinha. (Se também não forem tão “certinhos” quanto eu, confiram lá!)
Obrigada, também, à Jane Murback, que também como eu, não consegue ser tão certinha…
(Todas as fotos têm links, com os devidos créditos. Clicar nelas)

You may also like

46 Comentários

  1. Lá, vi lá no blog da Nani que andas atrás do contact floral que aparece aqui no cabideiro e usei nos vasinhos adesivados do meu banheiro. Se não achares por aí, "conte com o contact daqui, é só contactar", tá? Beijos solidários da mulher Tupperware que teima em morar em mim só pra conflitar

  2. rsrs!
    Obrigada, mulher "tupper"(para íntimas como eu!).
    É bem parecido com o contact que usou, se não, igual: bem retrô. Amei!
    Procurarei por aqui, mas se não encontrar, terei a audácia( de mulher maravilha) para lhe encomendar um bom pedaço.
    Abraço!

  3. ahahaha
    adorei o post com a estorinha!
    Legal mesmo conhecer alguém de pertinho nesse mundo dos blogs. E de repente qq dia desses vejo seu filho pelos corredores da psicologia sem saber né….rs
    Obrigada também por ir lá me responder no meu blog.
    O gatinho da foto é meu sobrinho….rs um fofo folgado!
    beijão querida, você é uma simpatia!

  4. Laely se te conforta m vi nesse seu post, meu guarda roupa e grande mas nao entra mais nada mis eu continuo empurrando, tenho 2 cabideiros um de p[e cheio de bolsas q no fim da semana esta todas as roupas q usei penduradas, e o de parede cheio de cintos, sou maniaca por cintos,enfim, acho q todas nos temos q ser Chirra e juntar as forcas para o dia dia q nao e facil. Muito legal esse post.
    bjinhos

  5. Adorei seu blog! Esse feriado passei limpando meu guarda roupa que estava todo mofado, não tinha um sapato que se salvasse. Me senti uma relaxada por ter deixado chegar nesse ponto. A intenção é sempre ser super organizada, mas na prática… rs beijos

  6. Oi Viviane

    Gostei do blog! E fiquei aqui pensando como você teve tempo pra garimpar todas essas fotos legais!

    Cheguei aqui pelo seu comentário no post "Certinhos" (eu também me senti de alma lavada!), mas não só por isso! É porque no mês de agosto, por conta da gripe suína fiquei semanas em confinamento doméstico (sou professora) e pude colocar em ordem TODOS os armários da casa! Lavei a alma e economizei pelo menos um ano de terapia!

    Mas não estou contando isso pra causar inveja, de jeito nenhum! Conto minha experiência no estilo AA (Sabe? "Oi, eu sou a Juliana, e há duas semanas estou mantendo meus armários arrumados…" Clap! Clap! Clap! Clap!) com o único objetivo de contar que há luz no fim do túnel e que UM DIA a gente consegue! Eu me mudei para esse apartamento há dois anos e meio, depois de ter passado três e meio fora do país. E só agora terminei definitivamente de guardar tudo! Bagunça de seis anos!!! Santa gripe!

    Tenho dicas de arrumação também, mas o comentário já está imenso! Um dia, quem sabe, vira um conto e publico no meu blog!

    Voltarei mais vezes… Temos alguns blogs favoritos em comum. Mais a "procrastinação" na arrumação de armários. Ainda descobriremos que somos parentes! :-)

  7. Nossa me identifiquei com vc nesse post, sinto exatamente a mesma coisa! Eu tento mas a bagunça insiste em aparecer, é mais rápida do q eu em arrumar! O q fazer?

    Bjoss

  8. Minha alma também é de mulher prendada, vou TENTANDO manter cada coisa em seu devido lugar para facilitar minha vida, meu guarda roupa é o que fica sempre por ultimo, então já viu né?! Tá daquele jeito…
    Beijos,
    Tenha um ótimo final de semana!

  9. Laély, tenho que confessar, minha parte do guarda-roupa é uma bagunça e nunca encontro tempo pra arrumá-la, a parte do marido é impecável. Lá em casa é assim, cada um cuida e guarda suas roupas e eu vivo brigando com a filhota pra arrumar o guarda-roupa dela. Aff… eu deveria dar exemplo. Se bem que eu adoraria abrir a porta do guarda-roupa(ainda existe hífen no guarda-roupa?) e lá encontrar um gatinho lindo como o da foto, branco e preto pra chamar de meu bichano. Ah! Como eu queria! rsrs
    Outra coisa, sabe aquela frase, letra de uma música que você colocou, "Andar com fé eu vou que a fé não costuma falhar…"? Pois é, eu a tenho anotada na agenda,em caderno, no porta-recado, acho-a inspiradora e me faz meditar.
    Estou sem net em casa, no momento estou no trabalho, e nem está dando pra eu postar no meu humilde bloguinho.
    Beijos

  10. Lá, te amo, porq tu me inspira mas naõ me faz me sentir uma ameba em coma (que é como me sinto lá no fundinho). Juro que vou arrumar meu armário tão logo o marceneiro corra pro meu lado de braços abertos e portas novas revestidas de fórmica branquinha, branquinha!
    Bjo

  11. Eu me sinto assim dessa maneira com alma de mulher prendada vivendo nesse tempo louco,onde mal conseguimos nos organizar(cabelo,pé,mão,depilação e etc..)e ainda temos que organizar a casa,o trabalho,o tempo,a vida amorosa,ah cansei….
    Não adianta mesmo exigir isso de nós mesmas,toda vez que me exigo,me sinto mal,triste e até com dores,alias foi por isso que relaxei um pouco,pois antes de casar eu era um pessoa extremamente perfeccinista"chata mesmo"e ao casar você se depara com outro ser,outras manias e enfim ou você relaxa ou você separa,eu relaxei e depois que veio o bebê tive que relaxar mesmo,mas tudo isso era um relaxamento meio que externo porque por dentro eu continuava a mesma e então conclusão comecei a ter dores,dores horríveis e quando fui ao médico ele me perguntou se havia algo em minha vida que eu não estava aceitando e então percebi que eu precisava aceitar que eu era uma mulher com mil coisas pra fazer e tinha que ceder,tinha que aprender e aceitar o meu tempo,errar sem entristecer,deixar comida queimar,roupas mal dobradas,e pensar mais em mim,mas isso é um aprendizado diário e todos os dias eu tenho que falar pra mim mesma que sou uma só…
    Fui diagnosticada na época com FIBROMIALGIA,mas enfim depois que mudei o meu comportamento não senti mais dores,pelo menos não daquele jeito…Nem precisei tomar os remédios.
    Comentário pequeno,não é?

    Beijos
    Nani

  12. Tô passando correndo e depois respondo com mais calma.

    Deixando bem claro:
    A Vivianne está apenas prestando uma ajuda na mudança do layout do blog( motivo de orgulho pra mim), mas todo o conteúdo do blog é de autoria, única e exclusiva, minha: Laély (Inclusive, todas a bobagens que escrevo!)
    Abraço a todos!

  13. Ops!

    Eu fui uma das que fez a confusão! Desculpe Laély! Acabei observando só o nome do perfil!

    Já anotei e não me engano mais.

    Parabéns de novo pelo post!

  14. Laély brigadão pela dica do espaço deu certo. E qto ao seu post da arrumação m inspirei de uma tal maneira q já comecei a m desapegar de roupas q não usava mas q a gente sempre acha q vai usar…estou distribuindo p as amigas…rsrsr
    bjs

  15. Laély brigadão pela dica do espaço deu certo. E qto ao seu post da arrumação m inspirei de uma tal maneira q já comecei a m desapegar de roupas q não usava mas q a gente sempre acha q vai usar…estou distribuindo p as amigas…rsrsr
    bjs

  16. La hoje tive tempinho pra ler seu post, sabe que as vezes também não consigo fazer tudo o que gostaria, mas ai penso ah! sou um ser humano e preciso de descanso e fazer as coisas que realmente gosto, adoro custurar, mas dei um tempinho pra fazer outras coisas que também gosto, adoro arrumar a casa, mas quando está chovendo ( e aqui não pára de chover a semana toda)detesto limpar a casa e daqui a 5 minutos tá tudo sujo novamente, isso cansa, ai faço que não vejo e vou fazer outra coisa ou saiu.
    meu armário sempre foi bem organizado, mas o do marido e filhos eu não aguento ter que arrumar e eles bagunçarem, as vezes queria ser como eles e não ligar pra nada, sabe que essas pessoas não envelhecem né? E eu aqui sempre querendo ser a mulher maravilha acabo me estressando e os outros nem ai, então as vezes é bom deixar as coisas bagunçadas mesmo, srrsrsrsrs, estou procurando não ser tão perfeccionista e viver a vida.

  17. Hoje, tô exercitando o meu lado "mulher maravilha" e me desdobrando para dar conta, inclusive de responder todos os comentários de vocês!
    Li tudo e fico muito muito contente de que tenham gostado!
    Tô vendo, que esse post tocou na ferida de todos aqui.

    Quando o meu lado "mulher tupperware" puder ser exercitado novamente, prometo responder com mais atenção a todos.
    ( Já tinham visto, que eu admiti não dar conta de tudo, né?)

  18. La,
    eu fiquei na casa da tia do meu namorado e como ficamos só um dia, o único lugar que deu tempo de visitar foi o museu biológico.
    Em breve voltarei aí!!!
    beijo

  19. Humm adorei seu post.
    Na cultura ocidental, uma boa faxina é apenas uma boa faxina, mas para os especialistas de Feng Shui há mais coisas entre quartinhos revirados e destinos encruados do que imagina nossa vã e noviça civilização.

    bom final de semana

  20. Concordo, Santinha!
    Uma boa "levantada e sacudida na poeira", acaba sempre começando por uma faxina nos armários.
    Dá uma senasação de: "se posso arrumar meus armários, posso dar um jeito na minha vida!"

  21. Menina, nem me fala. Às vezes acordo com essa mulher Tupperware(essa foi ótima:-)!)tb. Saciar essa compulsao é complicadérrimo e, quando consigo arrumar tudo(o que leva semanas), já tirei tudo for a do lugar de novo! Esperi q vc consiga ser mais "perseverante" :-) Obrigada pela visitinha!

  22. Menina, nem me fala. Às vezes acordo com essa mulher Tupperware(essa foi ótima:-)!)tb. Saciar essa compulsao é complicadérrimo e, quando consigo arrumar tudo(o que leva semanas), já tirei tudo for a do lugar de novo! Esperi q vc consiga ser mais "perseverante" :-) Obrigada pela visitinha!

  23. Primeiro, obrigada pelos conselhos,vou procurar seguir.
    Segundo,vc realmente é uma entre poucasneste mundo virtual ou não.(poucaspessoas gastariam tantos caracteres com minha pessoa.
    Continuoateseguire te visitar todos os dias.

  24. Ô, Socorro…nem eu sou tanto assim, nem você, é tão pouco assim!
    Mas obrigada, querida. Vou pensar serimente em fazer um post sobre o assunto que falou, tá? Aguarde.

  25. hahahahahaha Laély, esse seu post está muito bom, maravilhoso amiga!!!
    Parabéns, vc conseguiu ir ao além.
    Olha, o Sala da Lá logo será bem famoso e não esquece dos pobres mortais viu?!
    Regime ajuda tb arrumando a casa viu amiga rs
    Bjss e bom final de semana!
    ahh visita o meu novo blog http://vovomocinha.blogspot.com/

  26. Entre o desejo e a prática há uma distância grande, não é mesmo? Mas…fazemos o que está ao nosso alcance. Lendo o post sobre o restaurante de sua amiga, fiquei pensando se tu tens ou não alguém para te ajudar. Imagino que tenhas, porque trabalhar fora, cuidar de quatro homens, dois animais e uma casa…só mulher maravilha mesmo. Ufa, cansei só de pensar…rsrsrs. Beijocas e um final de semana de descanso familiar.

  27. he, he, he! É verdade, Taia! Uma ajudante em casa, é algo imprescindíel para a manutenção da minha lucidez!

    Nana: famosa, quem?!
    Vou lhe visitar, sim, viu?

    A mulher maravilha aqui, não deu conta de responder todo mundo, ainda, mas, tenham paciência, please!!

  28. Olá Laély!
    aqui é a "apaixonada" lembra? fiz meu blog… vamos ver no que vai dar…
    bom… armários… o meu tende ao caos.. arrumo e desarrumo sempre.. no momento ele ta arrumado, mas não sei até qdo.. rs…
    bjinhos

  29. Bem, vamos tentar responder a quem ainda não dei a devida atenção
    ( calma, gente! Afinal, já admiti que sou desorganizada!):

    Fabiano: às vezes, a gente precisa se permitir um pouco de preguiça.

    Cynthia:
    Já conferi seu lado "tupperware" , lá no seu blog, e posso garantir que não é um mofo no guarda-roupa que irá comprometer tanta prenda!

    Juliana:
    Já lhe respondi no seu blog, mas eu a invejo, sim! Tô precisando de um tempinho extra pra concluir um monte de projetos domésticos, inclusive, arrumar meu armário.

    Dra. Ciça! Meu blog tá bem frequentado, hein?!
    Se a doutora aí, não dá conta, a doutora, aqui do outro lado do mundo, também não!

    Karolyna: se não dá, "relaxa e aproveita"…

    O importante, é fazer como a Patrícia: continuar tentando…

    Jane: tô achando que você está procrastinando…

    Ana: Tô perseguindo essa tal perseverança…

    Ignez, mas a vida é assim mesmo: "como uma onda no mar"…É a dinâmica, ainda bem!
    Walkyria e Natália: obrigada!

    Carol: não estou dando conta, nem de arrumar o guarda-roupa, quanto mais, saber se ele perdeu ou não o hífen!

    Nani, o negócio é aprender com a Mara: não deixar que o perfeccionismo comande o nosso humor.

    Rosi: ao ver as minha gavetas, repletas de roupa e eu, achando que não tenho nada pra vestir, acho que é chegada a hora de colocar em prática esse desprendimento. Minha irmã é que gosta, quando faço limpa no meu armário.

  30. Lá, nunca é tarde pra pedir perdão, a não se que a outra parte morra antes, misericórdia!. o melhor seria conter a cólera, mas diante de tudo, difícil…né? bjão

Deixe uma resposta para Natália Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *