O que tenho na cabeça?…

Poupe-me e não ouse responder!…
Às vezes me acho patética!(Filhos mais velhos, concordam!)…
(Projeto de Dona Florinda, acima)
Sei, sei! Dei uma sumida. É que minha quarta-feira terminou tensa e hoje cedo, recomeçou no mesmo ponto:
Cheguei de Vitória ontem à noite com uma baita enxaqueca, querendo só tomar um analgésico, tomar um banho e descansar.
(Já contei que na quinta dou plantão numa outra cidade, distante uns 70 Km de onde moro; levanto às 5h, portanto.) Estava pronta pra sair hoje cedo, madrugada ainda e…cadê a chave do carro?…1h depois, depois de acordar filho e marido, refazer todo o meu caminho da noite anterior, atrasadíssima pra pegar a estrada, marido, num ato de generosidade ao perceber minha aflição, oferece o carro dele. Era pegar, ou faltar serviço! Então, tá bom! Liguei pro hospital pra avisar do atraso e vim, me achando a mais azarada do mundo: como se não bastasse estar sem o meu carro desde Abril, aguardando peça de reposição na oficina, após o último dilúvio em Vitória, ainda tinha perdido a chave do carro alugado( não tô com essa bola toda, não! É o seguro que tá pagando o carrinho extra)
“E agora?! Quem poderá me ajudar?!”Imaginem a minha cara de desolação, ao ligar pra locadora de veículos e perguntar:”Olha! Vamos supor que o cliente perca a chave do carro…o que acontece?!”
(Achava que eles teriam uma chave reserva, na eventualidade de uma cliente incauta, “cabeçadeventocomoeu”, perder a original( coisa comum, uai! Todo mundo perde chave e um monte de coisas, todos os dias!)
A resposta à minha “suposição” foi pior do que esperava:”A senhora precisa acionar o guincho pra rebocar o carro até à locadora e pagar os custos da confeccção de nova chave, incluindo o período que o carro ficar parado no pátio. Quer que chame agora?”
“Não, não…(sorriso amarelo)Vou procurar mais um pouquinho, obrigada…”
Liga pro marido, pra saber o que ele acha do mico:”vamos tentar achar”, disse, me animando.
Meio da tarde e já estava imaginando a cena: guincho-rebocando-carro-de-motorista-relapsa, nas manchetes dos jornais! Aí, marido liga:
-Encontramos sua chave!
-Nossa! É mesmo?! Onde?
-Na sua bolsa.
-?Minha bolsa?! Eu cansei de procurar na minha bolsa!!
-Sua bolsa amarela!
-???!!!
Ói, a minha cara): -Puxa! Obrigada, que bom que resolveu!…

Que que é isso, minha gente?! Acerte a alternativa mais correta:
a)-Demência precoce?
b)-Que nada! Isso é pura desorganização, mesmo!
c)-Sinal de que tenho bolsa demais e tenho trocado muito, ultimamente?!
d)-Todas as alternativas anteriores estão corretas!
Quem marcou a letra (d), acho que se aproximou mais da verdade, pois devo ter trocado de bolsa umas 3x, ontem: batom, protetor solar, 2 carteiras, cartões, carimbo, celular, canetas, agenda, um monte de papelzinho que você acumula, sabe nem pra quê…mais o quê? Diz aí, o que tem na sua bolsa e se você também não passa por situação semelhante. Parabéns, se consegue ser organizada, mas eu, ainda tô longe…
Vamos ver se aprendo a lição…
Pesquisando uma futura mudança de hábitos, já que tenho “trocentas” bolsas diferentes e vivo mudando, encontrei algo que pode me ajudar muito:
“Seus problemas acabaram!”
Não é Tabajara, mas são da Elo7, algumas ideias para ajudar “gente como a gente” e “gente que faz”…bagunça, como eu: um organizador para bolsas!
Este é do Club Art, mas na lojinha virtual há outras opções: Chega de tranqueira perdida na bolsa!

Por que minha mãe não me ensinou isso antes?…
Mas lá, no Super Zíper, ensina como! Desafio de costura para mais prendados que eu.
Outro desafio costural, porque eu não me emendo, mesmo!: Uma bolsa, tipo carteiro, muito alegre!
Da Etsy( link, na figura):
Outras opções, mais acessíveis, aqui no Brasil:
Bolsa Nara, do Tofu Studio( link na imagem)
Da sempre presente por aqui( ai, que chic!), Ana Sinhana:
Bolsa Sakura( link, na imagem)
Dá pra resistir?!…

You may also like

22 Comentários

  1. Ola!!!AMIGA que lhe dizer que voce nao esta sozinha….tbem perco as coisas…esses dias perdi minhas cardeneta do Banco….imagina o bom humor do meu marido…ai vem a frase….(Aonde voce esta com a cabeca…) meu dia acabou ….isso acontece sao tantas coisas para pensar ao mesmo tempo….nos mulheres que trabalhamos fora,casa,filhos,marido,vida escolar dos filhos,financas,mercado ,enfim…e ainda chega no fim do dia temos que ser…a mae carinhosa e mulher dedicada….ufa!!!! ainda estou procurando…beijos…Ass: do outro lado do mundo (solidaria….)

  2. Poxa Lá… to rindo até agora com o teu desabafo… Mas amiga tu não é a única, esses dias perdi a chave do escirtório, pasme: dentro do próprio escritórioa, eu já estava pronta pra dormir por ali mesmo… e qtas outras vezes eu perco a chave do carro dentro do meu bolso!!kakakakakakaak Acho que isso se dá as milhões de coisas que fizemos ao mesmo tempo!!!

    Beijokas Amiga!!!

  3. La,

    Não sei se te consola, mas sofro disso tambem! Uma semana no apto novo e jah perdi a chave na bolsa e bolsos umas 5 vezes! O bom é que vai rir sempre de tudo isso! Bjos
    Fefe

  4. PERDER AS CHAVES, O CELULAR, O PENTE, A BOLSA, O CARRO E ATÉ A CABEÇA JÁ SÃO COISAS COMUNS PRA MIM, POR ISSO VIVI LIGANDO PRO CEL PRA ACHÁ-LO, NÃO TENHO TEL SEM FIO NO QUARTO PRA NÃO PERDÊ-LO, MINHAS COISAS FICAM EM UMA SACOLINHA DE TECIDO PRA IR TUDO JUNTO QDO TROCO DE BOLSA E TENHO 3 CHAVES RESERVA DO CARRO HEHE ACHO QUE ESTOU COM ALZ (IH! ESQUECI COMO ESCREVE???!!!) bJS OBS: É TÃO NORMAL PERDER AS CHAVES QUE A SGURADORA ARRUMOU UM JEITO DE GANHAR DINDIN COM ISSO ! VC NÃO ACHA?

  5. isso pode ser cansado mental, de tanta coisa que se pensa por segundo, qndo acontece comigo so consigo me lembrar onde esta aquela coisa sumida depois de tirar uma soneca, é incrivel mas funciona. é só vc dormir pensando que acorda e acha. mas minhas bolsas nem te conto são uma verdadeira "mala" de bagunça.

    há e adorei o "uai".

    bjosss…

  6. Laély,
    Fiquei dois dias sem vir aqui e já tá você aprontando e me fazendo rir feito uma tonta na frente do micro… rsrsrs
    Olhe, se você for como eu em relação a bolsas, não vai ter jeito. Eu troco de bolsa muuuuuito raramente, porque não dou conta da mudança… Aí fico meeeeeses com uma bolsa preta, depois meeeeeses com uma bege, e por aí vai. Tinha uma grande, achei que era grande demais e por isso juntava coisa demais. Troquei por uma menor e cansei de tirar tudo de dentro dela prá achar o papel do estacionamento, porque a coitada ficava estufada de tanta coisa dentro (não, não consigo colocar papéis pequenos nos bolsos laterais pequenos). Agora comprei uma imensa e pergunta se eu acho alguma coisa, pergunta??? Acabei de perder as chaves da casa que estou reformando. Amanhã lá vou eu pegar as chaves do pedreiro e levar prá fazer cópia antes de trabalhar. Aff!!!
    Beijo,
    Marta

  7. Oi, Laély, tua narrativa é uma delícia, apesar da tensão do episódio… ainda mais com esse final cor-de-rosa, ou melhor, amarelo. Glória Peres que abra o olho! Amiga, missão cumprida e mais um debu que venço. Dá uma olhadinha lá blog. Beijos e juízo com essas bolsas!

  8. Realmente são lindas bolsas, e que atire a primeira bolsa quem nunca perdeu nada dentro delas, rsrsrs.
    Olha não sei enviar ainda, mas deixei no meu blog um selinho para você, que a Carlinha do blog Sabor de Amor enviou, me visite e pode pegar. Ah se vc quizer pode pegar o meu selo tb vou amar. bjs 1000. fffc

  9. Ai Laély, pergunta pro seu marido que simpatia ele usou para achar a chave o carro pois tem 3 semanas que estou procurando a meu molho de chaves, sim digo "molho de chaves" pois fica tudo no mesmo chaveiro; chave de casa – chave do ap de Vitória – chave da casa dos pais – chave do correio – chave da bicicleta… Será que esqueci de alguma chave?!

  10. Laély

    Oi! Tudo bem? Fico bastante feliz em recebê-la em minha morada. Há cores brincando dentro de você. Leio o amor em cada texto deixado em sua sala.

    Confissão à parede: Que bom que encontraram a chave da Laély. Ainda bem que os pontos finais não são tão simples assim. Antes do reboque, a solução.

    Tenha um excelente final de semana. Aguardo você em outras notas. Beijos!

  11. Mamma mia Laély, vc ainda ta sem carro desde o diluvio? Escolhi a alternativa "c", acho q vc tem bolsa demais,isso ja aconteceu vaaarias vezes comigo,to sempre me ajustando pra zerar o problema. Sabe como tenho feito? Em cada bolsa tenho um kit:fio dental(para dente),lencinho de papel,caneta/bloquinho,uma caixinha de balinhas, chave da casa reserva, creme de mao,pente com espelho e mais umas coisinhas, qdo troco de bolsa so pego a carteira e celular,isso ajudou bastante, mas claro achei mais pratica sua sugestao.Espero que sua enchaqueca tenha passado..
    bjs
    Bom fim de semana

  12. isso já aconteceu comigo. tinha feito prova do ccaa no dia anterior e levado meu estojo de lápis junto.deixei na bolsa do ccaa e esqueci de colocar denovo no lugar. o que tinha dentro? meu pendrive com o meu trabalho de inglês que tinham 8 pessoas no meu grupo!e só fui me dar conta disso na hora de apresentar. por uma benção dos meus colegas bagunceiros, eles aprontaram a 2ª
    guerra da borracha e bola de papel(sim , ja teve a primeira) antes da professora chegar e ela chamou a irmã creuza e ela ficou dando sermão a aula todinha!e no outro dia foi a sala pra dar ficha neles e lá se foi mais uma aula!!!!!

  13. Obrigada pela solidariedade. Afinal, não me sinto a mulher mais desastrada do mundo! Acho que deva ser por uma série de motivos, mesmo: excessos de coisas que a gente faz ao mesmo tempo, cansaço, querer fazer tudo rápido, mas, o que piora tudo, com certeza, é a desorganização! Aí, "a vaca vai pro brejo"!
    Acho que também foi pra eu calar a minha boca, porque vivo dizendo que homem não sabe encontrar nada! Justamente o que mais precisou ser encontrado, quem o fez, foi o homem da casa( não sei como!)!
    Ah, Pricila: é Alzheimer e, será que já é o Alzheimer chegando, você esquecer o nome?! rsrsrs
    Susi: Já tentei fazer esse kit, mas com os milhões de vezes que troco de roupa e bolsa, todos os dias, fica difícil!

  14. Falk: ainda bem que a nossa vida é cheia de pontos de exclamação, reticências, pontos seguidos, para o que não se acabou e finais, para o que precisa ter fim! Por isso, fica colorido!

  15. Oi Laély, senti mesmo a sua falta, acompanho seu blog diariamente e gosto muito, ja virou mania, abrir o computador, ler meus e-mails e dar uma passadinha por aqui, mesmo que seja só rapidinho pra conferir as novidades. Mas que saga hem, o lance da chave, acontece comigo o tempo todo, também quero muito ser mais organizada.
    Tenha um ótimo FDS.

  16. ola!!! meninas..desculpa-me pela escrita mas meu pc esta em japones…acentuar as palavras e impossivel…..adorei todos os comentarios…beijocas….

  17. oi amiga mara
    maravilhosa
    tudo di bom
    engraçado, eu vivo reclamando que o homen daqui da casa também não acha nada,rsrs…
    amiga você faz tanta coisa que é normal esquecer de algo,né?
    saudades
    te adoro
    beijos


  18. Fico feliz que a história tenha tido um final feliz rsrsrs
    Inspiradas no seu post, já estamos pensando na próxima promoção lá no nosso blog. O prêmio vai ser um organizador de bolsa (aquele que faz um rolinho amarrado), o que vc acha? rsrsrsr
    Beijos
    Helena

  19. Não está sozinha mesmo. Embora eu tenha essas bolsinhas organizadoras dentro da bolsa, tenho problemas com cheves. Ou Freud explica ou é coisa de vidas passadas.
    Já cheguei uma vez em nossa casa na praia (nem tenho mais essa casa) com o carro lotado, criança, cachorro e papagaio e precisamos arrombar a porta havia deixado a dita em outra bolsa.
    Bem vinda ao clube.
    bjks

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *