Mousse rápida de caqui

Minha amiga Fernanda tem um caçula, de uns 4 anos, naquela fase de rejeitar comida pela cara e pelo nome. Outro dia, fez aquela receita do pão integral e o menino o ignorou, quando soube o que era. Nova tentativa, e a mãe resolveu mudar a estratégia de marketing: o integral foi promovido à “pãozinho maravilha”, aceito e devorado num piscar de olhos , sem questionamentos.
Pois, se o seu filhinho ainda está nessa fase, tão sugestionável, e não gosta de caqui, nem iogurte, pode chamar esta simples batida, de mousse( suprima os detalhes, pra só revelar depois da prova). É uma surpresa, de tão fácil de fazer e tão saboroso!
Aproveitando que a safra do caqui está começando:
Olha, de tão simples, nem precisa de receita. Usei caqui mole, na proporção de 1 fruta, para 1 potinho de iogurte, pra ficar bem cremoso e se comer de colher. Acho até que o iogurte desnatado fica com uma consistência melhor. Só um pouquinho de açúcar pra acertar o ponto; bate-se no liquidificador e serve-se bem gelado.

( Esclarecendo: não estou fazendo merchandising pra Nestlé!)

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *